A Classe da Elite Japonesa

Tradução: Kote


Volume 1

Capítulo 6: Bem-vindo a um mundo baseado nos méritos

A campainha da manhã do primeiro dia de aulas de Maio tocou. Logo, Chiyabashira-sensei entrou, segurando um cartaz enrolada em um tubo. Seu rosto é sempre sombrio e sério. Será que é a menopausa? Se eu fizesse esse tipo de brincadeira, acho que um bastão de ferro viria voando em direção a minha cabeça.

“Sensei~, está na menopausa?”

Ike realmente se perguntou em voz alta. No entanto, ocorreu-me que estávamos pensando a mesma coisa.

“Certo, vamos começar com a aula de hoje. Há alguma pergunta antes de começarmos? Se vocês tiverem algo em mente, fiquem à vontade para falar.”

Chiyabashira-sensei ignorou Ike completamente e continuou falando. Falava como se estivesse plenamente convencida de que os alunos tinham algo a perguntar. Imediatamente, várias pessoas levantaram as mãos.

“Um, eu verifiquei meus pontos deste mês, e não me depositaram qualquer coisa. Não era suposto que forneceriam os pontos no primeiro dia do mês, a cada mês? Fiquei impaciente porque eu não pude comprar o suco que queria.”

“Hondou, já expliquei, certo? Os pontos são transferidos para suas contas no primeiro dia do mês, a cada mês. E eles foram transferidos sem problemas este mês também.”

“Uh, mas… eu não conseguir pontos.”

Hondou e Yamauchi trocaram olhares. Ike se surpreendeu ao notar seus próprios olhares. Certamente, eu verifiquei meus pontos esta manhã, mas meu saldo não mudou do de ontem.

Então eu pensei que eles estavam indo depositar mais tarde.

“… garotos, realmente são tão estúpidos?”

Está com raiva? Encantada? Chiyabashira-sensei exalava um sentimento de mau agouro.

“Estúpidos? O quê?”

Chiyabashira-sensei tinha um brilho acentuado em seus olhos quando Hondou repetiu as palavras como um idiota.

“Sente-se, Hondou. Vou explicar novamente.”

“S-Sae-chan-sensei?”

Surpreso com esse tom rigoroso, Hondou caiu em seu assento.

“Os pontos foram depositados. Sem falhas. A probabilidade de que esta turma não tenha sido incluída é muito baixa. Vocês entenderam?”

“Não, embora eu diga que entendo, não recebemos os nossos pontos…”

Hondou tinha uma expressão insatisfeita em seu rosto.

No entanto, se pensarmos que o que Chiyabashira-sensei está dizendo é verdade…

Existe algum tipo de contradição? Isso quer dizer que zero pontos foram depositados?

Tinha uma leve dúvida, mas minhas suspeitas se elevaram.

“Hahaha, entendo, então foi assim, professora. Já compreendi este enigma.”

Koenji disse em voz alta enquanto ria. Colocando os pés sobre a mesa, ele assinalou para Hondou com a sua atitude presunçosa.

“Nós não ganhamos pontos porque estamos na classe D.”

“Hah? O que é que isso quer dizer. Eles disseram que iríamos receber 100.000 pontos cada mês…”

“Eu não me lembro de ouvir isso. Certo?”

Sorrindo, Koenji virou-se e apontou para Chiyabashira-sensei.

“Sua atitude tem alguns problemas, mas o que Koenji disse foi na direção certa. Parece que muitas pessoas não notaram minha pista. Que triste.”

A classe explodiu em escândalo e confusão.

“… sensei, posso fazer uma pergunta? Eu ainda não entendo.”

Hirata levantou a mão. Mais do que estar preocupado com seus próprios pontos, parece como se estivesse pedindo ajuda para os alunos mais preocupados na sala. Como esperado do líder da classe.

“Por favor, nos diga por que não recebemos pontos. Se isso não for possível, nunca poderemos entender.”

Afinal, nunca nos explicaram a razão pela qual nunca tivemos pontos.

“98 ausências e atrasos no total. 391 incidentes de falar ou usar seus celulares em sala de aula. Contei cada uma de suas infrações. Nesta escola, o desempenho de classe é refletido no número de pontos recebidos. Como resultado de seu comportamento, 100.000 pontos que poderiam ter sido recebidos foram consumidos. Isso é tudo o que aconteceu.”

“Expliquei tudo isso no dia da cerimônia de abertura. Esta escola mede as habilidades de seus alunos. Desta vez, você foram avaliados com um 0. Nada mais do que isso.”

Chiyabashira-sensei falou mecanicamente, sem expressão. Minhas dúvidas iniciais depois de vir a esta escola foram finalmente respondidas. Da pior maneira possível, mas mesmo assim respondidas.

Em outras palavras, embora tenham nos dado uma grande vantagem de 100.000 pontos no início, nossa classe D perdeu tudo em um único mês.

Escutava o som de um lápis no papel. Horikita estava tentando entender a situação com calma enquanto anotava o número de faltas, atrasos, e infrações ao falar durante a aula.

“Chiyabashira-sensei, não me lembro de ouvir essas explicações antes…”

“O quê? Por acaso são pessoas incapazes de compreender sem uma explicação?”

“Naturalmente. Não houve menção de qualquer redução de pontos transferidos para nós no início de cada mês. Se tivesse sido explicado antes, tenho certeza de que teríamos tentado não chegar atrasados ou falar em sala de aula.”

“Um argumento interessante, Hirata. Não me lembro de explicar as regras sobre os pontos recebidos no início de cada mês. No entanto, não é suposto que vocês aprenderam a não falar em sala de aula e chegar a tempo desde o fundamental?”

“Isso é…”

“Eu tenho certeza que aprenderam. Nestes 9 anos de escolaridade obrigatória, sempre lhes disseram que tal comportamento é desaprovado. Falar em sala de aula e chegar atrasado é errado. Além disso, você disse que não conseguiu entender porque eu não expliquei? Isso não é desculpa. Se você se comportassem como devem, seus pontos não teriam caído a 0. É sua responsabilidade pessoal.”

Não há lugar para uma resposta, seu argumento tinha completo sentido. Afinal, todo mundo sabe o qual comportamento é bom e o qual é ruim.

“Depois de chegarem a ser estudantes do primeiro ano, realmente pensaram que iriam receber 100.000 pontos cada vez, sem restrições? Nesta escola criada pelo governo japonês para treinar as pessoas excelentes? Isso é impossível, usem o bom senso. Por que deixar as dúvidas como dúvidas?”

Embora Hirata parecesse frustrado por seu argumento sólido, se recuperou e imediatamente olhou em seus olhos.

“Bem, pelo menos você poderia nos dizer os detalhes sobre como aumentar ou reduzir os pontos? Vamos tentar fazer o nosso melhor a partir de agora.”

“Isso não é possível. Nós não somos autorizados a divulgar os detalhes de como podemos avaliar o mérito dos estudantes. É como no mundo real. Quando todos você entram na sociedade e encontram um emprego em algum tipo de negócio, eles provavelmente não vão dizer-lhes como avaliam—isso fica reservado a própria empresa. No entanto… não estou tentando ser fria, tampouco odeio vocês. Esta é uma situação tão patética que acabarei por dizer uma coisa a todos.”

Pela primeira vez hoje, eu vi um sorriso gentil no rosto de Chiyabashira-sensei.

“Hipoteticamente, digamos que todos deixem de chegar tarde e que já não falem mais em sala de aula… a redução será de zero ponto, mas isso não significa que vão conseguir mais pontos.”

Em outras palavras, o contador do próximo mês é de 0 ponto.

“Não se atrasar e não falar em sala de aula não vai ajuda-los a sair do fundo. Tenham isso em mente—será útil.”

“Tsu…”

O rosto de Hirata escureceu ainda mais. Uma parte da classe não conseguia entender, a explicação teve o efeito oposto. Os estudantes que queriam mudar o seu mau comportamento, tiveram seus ânimos frustrados. Esse é o objetivo de Chiyabashira-sensei, não, da escola.

O sinal tocou, sinalizando o fim da introdução do dia.

“Parece que falamos demais. Com sorte vocês tenham entendido. De qualquer forma, vamos seguir com o tema principal.”

Desenrolou um cartaz branco que estava em um tubo. Usando um ímã, ele se aderiu ao quadro. Os alunos olharam para o papel, ainda confusos.

“Esses são… os resultados de cada classe?”

Horikita tentou explicar o papel, embora não tivesse certeza. Talvez seja verdade.

No papel estavam listados as classes de A a D, com números ao lado delas.

Nossa classe D com 0. Classe C com 490. Classe B com 650. E a classe A tinha o maior número, com 940. Suponho que 1.000 pontos significam 100,000 ienes? Todas as classes perderam pontos em certa medida.

“Ei, você não acha que é estranho?”

“Sim… os números são muito precisos.”

Horikita e eu notamos que havia algo estranho sobre as pontuações.

“Durante o primeiro mês, todos vocês fizeram o que queriam. Bem, a escola não diz que isso é proibido. Suas ações, como falar durante a aula final, afetam o número de pontos que recebem. Como o uso de seus pontos. Vocês são livres para usar como quiserem. Nós não temos restrições para as maneiras como usam seus pontos.”

“Isto não é justo! Não podemos ter uma vida escolar normal assim!”

Ike, que tinha permanecido em silêncio até agora, exclamou.

Yamauchi estava chorando em agonia. Esse cara já gastou todos os seus pontos…

“Prestem atenção, crianças estúpidas. Cada uma das classes, exceto a D, receberam alguns pontos. A quantidade de pontos dada a vocês no início deve ser mais do que suficiente para durar mais um mês.”

“C-como é que restaram pontos para as outras classes? Isso é estranho…”

“Eu estou dizendo a você, não é nenhum tipo de fraude. No último mês, todas as classes foram julgadas pelas mesmas regras. No entanto, eles não perderam tantos pontos como vocês. Isso é um fato.”

“Como… como pode ter tanta diferença de pontos entre as classes?”

Hirata também notou algo estranho sobre os números. As diferenças em pontos eram rotundas.

“Finalmente entenderam? A razão pela qual foram colocados na classe D.”

“A razão pela qual fomos colocados na classe D? Não foi porque somos apropriados para esta escola?”

“Eh? Esta é a forma como as classes comuns funcionam, sabe?”

Todos trocaram olhares.

“Nesta escola, todos os alunos são divididos em classes de acordo com o mérito. Os melhores alunos são incluídos na classe A. Os piores para a classe D. Bem, é um sistema que é usado na maioria das escolas. Em outras palavras, a classe D é o ensopado de sobras. Isso também significa que vocês são os piores alunos, os produtos defeituosos desta escola. Este é um resultado típico de alunos defeituosos.”

O rosto de Horikita ficou tenso. Parece que a razão por trás da divisão de classes realmente a impactou.

Certamente, é melhor reunir os inteligentes com outros inteligentes, e os incapazes com outros incapazes. Se você misturar tangerinas boas com tangerinas podres, as tangerinas boas apodrecerão mais rápido. É inevitável que Horikita permanecesse em estado de choque diante deste tipo de divisão.

No entanto, pode ser que tenha sido bom o fato de terem me colocado aqui. Há apenas uma direção na qual a percorrer, e é para cima.

Os aplausos não naturais de Chiyabashira-sensei ecoaram pela sala.

“Ao alcançar zero ponto, isso significa que sempre estaremos em zero ponto para sempre?”

“Sim. Seus pontos permanecerão em 0 até a formatura. No entanto, não se preocupem, porque vocês ainda podem usar os dormitórios, e também têm refeições gratuitas na cafeteria. Vocês não vão morrer.”

Embora seja possível levar uma vida de estudante com suprimentos mínimos, muitos estudantes podem não gostar. Afinal, os alunos viveram suas vidas no mês passado desfrutando de todos os tipos de luxos. De repente, ter uma vida de autocontrole parece realmente difícil para muitos estudantes.

“… então, agora as outras classes vão zombar da gente?”

Sudou chutou sua mesa. Depois de saber que as turmas foram divididas por mérito, todos provavelmente irão zombar da classe D como o grupo de idiotas. Não é nada anormal que se sintam desencorajados.

“O que, você ainda conserva seu orgulho, Sudou? Então faça o seu melhor para tentar fazer que a pior classe seja a melhor.”

“Huh?”

“Os pontos de classes não estão apenas ligados à quantidade de dinheiro que recebem a cada mês. É também uma indicação de classificação da classe.”

Então, em outras palavras… sim, por exemplo, se a classe D atingir 500 pontos, será promovida a classe C. Como a avaliação de uma empresa.

“Certo, eu tenho mais uma má notícia para lhes dizerem.”

Colocou outro papel no quadro. Era uma lista de todos os companheiros. Ao lado de cada nome tinha um número.

“Vendo esses números, chego a entender que há tantos idiotas nesta classe.”

Os estudantes observaram como seus calçados golpeavam o chão.

“Estes são os resultados dos testes de alguns dias atrás. Sua professora estava encantada de ver um desempenho tão maravilhoso. Sério, o que diabos vocês estudaram no fundamental?”

Exceto para os melhores alunos na classe, quase todos terminaram abaixo de 60. Ignorando a nota maravilhosa de Sudou de 14 pontos, a mais baixa eram os 24 pontos de Ike. A média era de uns 65.

“Se este teste tivesse sido realmente registrado, sete de vocês já teriam abandonado a escola. Que bom que não foi assim, certo?”

“A-abandonado? O que isso significa?”

“Por que, eu não expliquei isso? Se eles desaprovam em um exame de médio prazo ou uma final em qualquer matéria, terão que sair da escola. Nesse teste, seriam todos aqueles que tiraram menos de 32. Céus, sim, realmente são estúpidos.”

“O-o queeeeeeee?!”

As sete pessoas que desaprovavam, ou em outras palavras, Ike e seu grupo, soltaram uma voz de temor.

No papel havia uma fina linha vermelha que separava o resto da classe e essas sete pessoas, onde o maior deles era Kikuchi, com 31 pontos. Em outras palavras, todos a partir de Kikuchi para baixo reprovaram.

“Não fode comigo, Sae-chan-sensei! Não brinque com o abandono da escola!”

“Eu também fiquei sem palavras. São as regras da escola, então preparem-se para o pior.”

“Como a professora disse, parecem que há um bando de idiotas aqui.”

Mantendo suas unhas das mãos com os pés sobre a mesa, Koenji mostrou um sorriso de superioridade no rosto.

“O que foi isso, Koenji?! Sua pontuação também está na linha vermelha!”

“Fu. Você tem algo em seus olhos, garoto? Olhe com mais atenção.”

“H-huh? Ei, o nome de Koenji está… huh?”

Olhando a partir de baixo, seus olhos gradualmente chegaram ao topo. E então— finalmente encontrou o nome Koenji Rokusuke.

Para sua surpresa, Koenji estava no primeiro lugar da classe com 90 pontos. Isso significa que pôde resolver alguns dos problemas superdifíceis.

“Eu nunca pensei que Sudou seria um personagem estúpido como eu…!”

Ike disse em voz alta com sarcasmo em seu tom.

“Oh, e mais uma coisa. Esta escola, que está sob o controle do país, está orgulhosa de possuir uma elevada percentagem de seus alunos frequentando o ensino superior e as sua alta taxa de emprego. Isso é um fato bem conhecido. O mais provável é que muitas pessoas nesta classe vão para a faculdade ou consigam emprego em uma empresa.”

Isso é óbvio. Como disse, esta escola tem a maior taxa de emprego e faixa de aceitação na faculdade. Há rumores de que, se você se formar com sucesso nesta escola será mais fácil para se juntar a uma universidade complexa ou uma empresa. Outros dizem que se formar nesta escola é como obter uma recomendação para ser admitido na Universidade de Tóquio.

“Mas… as coisas não são tão fáceis neste mundo. Para pessoas como vocês, de nível tão baixo, provavelmente seja difícil entrar na faculdade ou conseguir um emprego.”

As palavras Chiyabashira-sensei ressoaram na sala.

“Em outras palavras, para realizar nossos sonhos de conseguir um emprego ou ir para a faculdade, supera a classe C provavelmente seja um requisito mínimo.”

“Isso também é ligeiramente incorreto, Hirata. Não há maneira de alcançar os seus sonhos a não ser superando a classe A. A escola não garante nada aos outros estudantes.”

“I-isso é… algo que eu nunca ouvi falar! É um absurdo!”

Yukimura, uma garota de óculos, se levantou. Era a pessoa que tinha empatado em pontuação com Koenji.

“Que vergonhoso. Não há nada mais patético do que garotos armando um escândalo e entrando em pânico.”

Como se sentisse algo sobre as palavras de Yukimura, Koenji suspirou.

“… Koenji, você não sente nenhum arrependimento por estar na classe D?”

“Arrependimento? Por que eu me arrependeria? Não entendo.”

“Porque nos disseram que nossa classe é o ensopado de sobras, e que nossas chances de ter mais educação ou conseguir um emprego são baixas!”

“Fu. Isso não tem sentido. Eu não posso nem responder a tal estupidez.”

Koenji não parou de polir as unhas. Ele nem sequer olhou para Yukimura para falar.

“Esta escola ainda não viu todo o meu potencial. Eu acredito em mim, me valorizo e me respeito muito, mais do que ninguém. Embora nesta escola tenham me colocado na classe D, isso não significa nada para mim. E se, por exemplo, eu tiver que sair da escola, está perfeitamente bem. Afinal de contas, é a escola que voltará se rastejando de volta para mim.”

Soa como algo que Koenji diria. É masculinidade ou arrogância? Certamente, se você não está interessado no ranking de classes desta escola, essa coisa toda não importa muito. Considerando sua alta inteligência e capacidade física, é difícil pensar que todos os alunos da turma são melhores que Koenji. Ou talvez tenha sido colocado na classe D por sua personalidade.

“No entanto, eu não procuro ir para a faculdade ou encontrar um emprego depois de me formar. Já foi decidido que eu vou levar o Conglomerado Koenji no futuro. Não importa se eu estou na classe A ou D.”

Para alguém cujo futuro está garantido, certamente não há necessidade de se preocupar com a classe.

Não há palavras para responder, Yukimura se sentou.

“Parece que todo o bom humor se esfriou. Se tivessem compreendido desde o início o quão difícil é o ambiente em que se encontram, não teria necessidade desta longa introdução. Os exames serão daqui a três semanas, por favor, evitem ser expulsos. Tenho certeza que todos aqui podem sobreviver sem alcançar pontuações vermelhas. Se possível, incentivem a sua situação com um comportamento adequado para uma pessoa capaz.”

Fechando a porta enfaticamente, Chiyabashira-sensei saiu da sala.

Os alunos com números vermelhos estão decaídos. Mesmo Sudou, normalmente orgulhoso, tinha a cabeça baixa, com vergonha.

“O que eu vou fazer agora que não tenho pontos…?”

“Eu usei o resto dos meus pontos ontem…”

Depois de Chiyabashira-sensei deixar a sala, a classe inteira estava em alvoroço.

“Além dos pontos, o problema aqui é a classe… por que eles me colocaram na calse D?!”

Yukimura expressou sua frustração. Havia gotas de suor na testa.

“Espere, isso significa que eu não posso ir para a faculdade que eu quero? Então, por que eu vim a esta escola em primeiro lugar? Pergunto-me se Sae-chan-sensei me odeia…”

Nenhum dos estudantes conseguia esconder sua confusão.

“Eu entendo que todo mundo está em pânico agora, mas mantenham a calma.”

Hirata assumiu o controle da classe, tentando acalmar o senso de crise iminente.

“Como podemos nos acalmar nesta situação? Não te frustra saber que você está na classe das sobras?!”

“Mesmo se eu disser que me frustra, não é melhor trabalharmos juntos para sair desta situação?”

“Sair desta situação? Em primeiro lugar, eu não estou nem concordando com essa hierarquia de classes!”

“Compreendo perfeitamente os seus sentimentos. No entanto, é inútil apenas sentar aqui e reclamar sobre isso.”

“O quê?!”

Yukimura caminhou em direção Hirata e agarrou seu pescoço.

“Acalmem-se vocês dois. Ok? Sensei provavelmente deve ter explicado tão duramente para nos encorajar, certo?”

Kushida falou. Separou os dois e segurou gentilmente o punho fechado de Yukimura. Yukimura, como esperado, não queria magoar Kushida e involuntariamente recuou.

“Além disso, passou apenas um mês desde que a escola começou. Como disse Hirata-kun, eu acho que vai ser melhor perseverar nesta situação. Estou errada?”

“N-não, isso é… eu não acho que Kushida esteja errada, mas…”

A ira de Yukimura se dissipou. Kushida olhou com sinceridade a todos na classe D, desejando que todos cooperem.

“É-é verdade. Nós não devemos ser impacientes. Não há necessidade de Yukimura e Hirata brigaem.”

“… desculpe. Eu perdi o controle por um momento.”

“Está bem. Eu também deveria ter escolhido melhor as minhas palavras.”

Com a ajuda de Kushida Kikyou, a luta foi resolvida em um bom caminho.

Peguei meu telefone e tirei uma foto dos pontos da classe. Percebendo minhas ações, Horikita olhou para mim com uma expressão curiosa.

“O que você está fazendo?”

“Eu ainda não descobri os detalhes por trás dos pontos. Você não tomou notas também?”

Se eu puder descobrir o número exato de pontos reduzidos por chegar atrasado e por falar em sala de aula, nós provavelmente poderíamos pensar em contramedidas.

“Não seria difícil calcular os números com tão pouca informação? Além disso, embora você consiga encontrar algo, eu não acho que isso vai ajudar a resolver este problema. Em palavras simples, todo mundo chega tarde e fala muito em sala de aula.”

Como disse Horikita, é difícil tirar uma conclusão com esta quantidade de informação na mão. Ela parece estranhamente impaciente, sua atitude geralmente calma parece não estar presente.

“Você também está na escola para entrar na faculdade?”

“… por que você pergunta?”

“É que quando ela falou sobre a diferença entre a Classe A e a D, você parecia muito impactada.”

“Essa foi a reação da maioria da classe, certo? Embora nos foi dada uma explicação no primeiro dia de escola, eu não consigo entender este novo desenvolvimento.”

Bem, é razoável. As pessoas nas classes B e C estão, provavelmente, infelizes do mesmo que nós estamos. Cada classe que não seja a A é tratada como sobras pela escola. Tentar fazer o nosso melhor para aumentar o ranking da nossa classe parece ser o melhor curso de ação.

“Eu acho que antes de pensar sobre a classe A ou a classe D, devemos trabalhar para garantir alguns pontos.”

“Os pontos são apenas fruto dos nossos esforços na classe. Não ter pontos não vai impedir a nossa vida escolar. Afinal, a escola fornece tudo de graça até certo ponto.”

Isso é um alívio para aqueles que perderam os seus pontos.

“Não impedirá a nossa vida escolar, huh…”

Não é um problema viver com o mínimo. No entanto, há coisas que só podem ser obtidas com pontos. Por exemplo, lazer e entretenimento. Não ter meios de entretenimento provavelmente nos prejudicará no futuro…

“No mês passado, quantos pontos você usou, Ayanokouji-kun?”

“Hmm? Oh, quantos pontos eu usei. 20.000 pontos mais ou menos.”

Os alunos que usaram todos os seus pontos estavam aflitos. Como Yamauchi, que tinha entrado em pânico a pouco tempo atrás.

Ike também gastou todos os seus pontos.

“Embora eu ache que é lamentável, eles estão pagando por seus próprios erros.”

Certamente, usar os 100.000 pontos em um único mês é um grande problema.

“Nós fomos tentados pelo luxo dos pontos no primeiro mês…”

100.000 pontos por mês. Embora pensamos que era bom demais para ser verdade, todos comemoraram.

“Gente, uma vez que a as aulas comecem, peço a todos que prestem atenção de forma responsável. Especialmente você, Sudou-kun.”

Hirata chamou a atenção da barulhenta sala ao parar em frente ao atril.

“Tch, o que foi.”

“Esse mês nós não recebemos pontos. Este é um problema que afeta muito a nossa vida futura na escola. Nós não podemos seguir assim e nos formarmos com 0 ponto, certo?”

“Definitivamente não!”

Uma garota gritou ante as palavras de Hirata. Hirata assentiu.

“Claro que não. Então não temos escolha a não ser tentar conseguir alguns pontos no próximo mês. É por isso que todos na classe têm que trabalhar duro para corrigir nosso problema. Devemos parar de chegar atrasado e de falar em sala de aula. Naturalmente, usar celular em sala de aula também está proibido.”

“Ha? Por que temos de ouvir o que você diz? Se os pontos permanecem constantes, não há nenhuma razão para parar.”

“No entanto, se continuarmos chegando tarde e falando em sala de aula, os nossos pontos não vão aumentar. Embora não podemos perder mais desses 0 ponto, ainda segue contando como negativo.”

“Não entendo. Embora trabalhemos duro em sala de aula não é como se nossos pontos fossem subir.”

Sentindo-se insatisfeito, Sudou bufou e cruzou os braços. Percebendo os sentimentos de Sudou, Hirata falou.

“A professora não disse que não chegar tarde e não falar em sala de aula deve ser uma mentalidade óbvia?”

“Sim, eu penso como Kushida-san. É natural.”

“Isso é apenas uma explicação para sua própria conveniência. Se você entender que os nossos pontos não vão aumentar, é inútil. Fale logo assim que descobrir como aumentar nossos pontos.”

Hirata baixou a cabeça em direção ao irritado Sudou.

“No entanto, Sudou-kun, é um fato que, se não cooperarmos, nossos pontos nunca vão aumentar.”

“… eu não me importo com o que vocês fazem. Eu não me envolverei. Você entendeu?”

Como se sentisse desconfortável de estar nessa sala, Sudou saiu.

Deixou a sala até que a aula comece ou não voltará mais?

“Sudou-kun não pode entender o que está acontecendo aqui. Ele é quem chega mais tarde. Mesmo sem Sudou-kun, ainda podemos obter pontos?”

“Sim… ele é o pior. Por que ele está na mesma classe que nós…”

Bem, todos nós estávamos vivendo do bom e do melhor até esta manhã. Não havia queixa sobre Sudou antes disso.

Descendo do atril, Hirata ficou na frente da sala.

“Horikita-san e Ayanokouji-kun, vocês têm tempo? Depois da escola eu quero falar sobre como podemos aumentar os nossos pontos. Eu quero que vocês participem. Vocês podem fazer isso?”

“Por que nós?”

“Eu quero ouvir a opinião de todos. No entanto, apesar de pedir a todos para falar, eu acho que mais da metade não levará a sério.”

Então pensou em perguntar a nós dois em particular. Eu não acho que nós podemos fornecer ideias úteis, mas acho que não há problema em participar. Embora eu pensei isso—

“Desculpe, mas você pode pedir a alguém mais? Eu não sou muito boa para discutir as coisas.”

“Você não tem que se forçar a dizer qualquer coisa em particular. Somente estar lá é o suficiente.”

“Desculpe, mas eu não pretendo me reunir por uma razão sem sentido.”

“Eu acho que este é o nosso primeiro desafio como uma classe unida. Assim que—”

“Já me recusei. Eu não vou participar.”

Palavras calmas, mas fortes. Apesar de considerar o ponto de vista de Hirata, Horikita o rejeitou novamente.

“N-na verdade. Desculpe… se você mudar de opinião, por favor, participe.”

Horikita parou de prestar atenção para Hirata que havia se rendido.

“E você, Ayanokouji-kun?”

Honestamente, eu pensei que seria bom participar. Afinal, a maioria da classe provavelmente faça.

No entanto, se Horikita for a única a não participar, poderá ser que receba os mesmos maus tratos que Sudou.

“Ah… eu vou passar. Desculpar.”

“… não, eu deveria ser o único a pedir desculpas. Mas se você chegar a mudar de opinião, sinta-se livre para se unir.”

Hirata provavelmente entendeu o que eu estava pensando. Eu não o rejeitei de maneira tão rotunda como Horikita.

Agora que a discussão acabou, Horikita começou a se preparar para a próxima aula.

“Uau, Hirata é bastante impressionante. Ele conseguiu colocar todos em ação. Não é incomum sentir-se deprimido com a situação.”

“Essa é uma maneira de ver. Se você é bom em resolver problemas com discussões, não haverá dificuldades. No entanto, se um aluno que não é muito inteligente tenta manter uma discussão, provavelmente termine em caos. Eu tampouco posso aceitar a situação.”

“Você não pode aceitar a situação? O que quer dizer?”

Horikita, sem responder a minha pergunta, não disse mais nada.

Depois das aulas. Hirata estava no atril, usando o quadro para preparar a discussão.

Devido ao carisma de Hirata, parece que todos apareceram, exceto Horikita e Sudou. Ambos tinham deixado a sala. Antes que a discussão comece, eu também deveria ir.

“Ayanokouji~”

Sob a mesa, Yamauchi mostrou seu rosto, parecendo morto.

“Que diabos?! O-o que foi?”

“Compre isso aqui por 20.000 pontos~. Não consigo comprar nada porque não tenho pontos~”

Yamauchi sacou seu console portátil que me mostrou no outro dia. Não jogue seus problemas em mim…

“Se você me vende, com quem eu vou jogar?”

“Como eu saberia. Está bem não? É um bom negócio.”

“Vou comprá-lo se você baixar o preço para 1.000 pontos.”

“Ayanokouji~! Não tenho mais ninguém para quem pedir ajuda~”

“Por que eu… não posso dar o que não tenho.”

Yamauchi olhou para mim com olhos chorosos, mas afastei meus olhos porque me sentia mal.

Ele percebeu que me pedir pontos não funcionaria, então ele mudou de objetivo.

“Hasebe! Eu tenho um favor para minha melhor amiga! Compre meu console por 22.000 pontos!”

Parece que ele está tentando fazer que Hasebe compre seu console. E, além disso, elevou o preço descaradamente.

“Deve ser difícil para todos que usaram seus pontos…”

Kushida disse enquanto observava a conversa entre Yamauchi e Hasebe.

“Kushida, você está bem com seus pontos? As garotas devem ter muitas necessidades, depois de tudo.”

“Hmm, bem, por enquanto. Eu usei cerca da metade dos meus pontos. Eu usei muitos pontos neste mês, será difícil me controlar. Ayanokouji-kun, e você?”

“Suponho que deve ser difícil para alguém popular levar uma vida escolar sem gastar dinheiro… eu praticamente não usei nenhum dos meus pontos. Também não tenho nada que eu precise particularmente.”

“Isso é porque você não tem amigos?”

“Ei…”

“Ahaha, desculpe, desculpe. Não queria ofender você.”

Kushida se desculpou comigo enquanto ria. Ela é tão fofa quando ri desse jeito.

“Um, Kushida-san?”

“Karuizawa-san, o que há de errado?”

“Para ser sincera, usei todos os meus pontos. Eu já pedi alguma ajuda das outras garotas na classe, mas pensei eu pedir pra você também. Somos amigas, certo? Eu só preciso de cerca de 2.000 pontos.”

Karuizawa pediu a Kushida por pontos com uma risada falsa. Isso deve terminar em uma negativa instantânea.

“Sim, tudo bem.”

Gritei “Tudo bem?” em minha mente, mas acho que depende de cada pessoa a maneira em que decidem seus amigos.

Sem hesitação, Kushida decidiu ajudar Karuizawa.

“Obrigada~. Os amigos são muito úteis. Este é o meu número. Bem, até mais tarde~. Ah, Inogashira-san, para ser honesta, usei todos os meus pontos~”

Passando para o próximo alvo, Karuizawa se afastou de nós.

“Isso está bem? Nossos pontos provavelmente não serão recuperados.”

“Eu não posso rejeitar uma amiga quando ela vem me pedir ajuda. Karuizawa-san tem muitos amigos, provavelmente é difícil para ela não ter muitos pontos.”

“No entanto, acho que ter gasto todos os 100.000 pontos deveria ser um problema da própria pessoa.”

“Ah, mas como posso transferir meus pontos?”

“Karuizawa lhe deu um papel com seu número, certo? Você pode transferir pontos usando seu celular.”

“Uau, a escola pensou em tudo para os alunos. Eles até criaram um sistema como esse para ajudar pessoas como Karuizawa-san.”

Certamente, é uma ajuda para Karuizawa. Mas era realmente necessário enviar dinheiro para ela? Parece bastante problemático.

“Ayanokouji-kun da classe D. Chiyabashira-sensei está te chamando. Por favor, venha para sala dos professores.”

Depois de um tilintar, uma voz foi ouvida pelos alto-falantes.

“Parece que a professora está te chamando.”

“Sim… desculpe, Kushida. Estou indo.”

Desde o primeiro dia de escola, não lembro de fazer nada que requeira  minha presença na sala dos professores. Sentindo olhares pesados dos outros alunos, saí da sala.

Cheguei à sala dos professores e, timidamente, abri a porta. Olhei ao redor da sala, não vi Chiyabashira-sensei em qualquer lugar. Perguntei a professora que estava se olhando no espelho.

“Um, Chiyabashira-sensei está aqui?”

“O quê? Sae-chan? Estava aqui alguns momentos atrás…”

A professora que se virou tinha cabelos ondulados até os ombros e dava a impressão de madura. Pronunciou o apelido de Chiyabashira-sensei como se fossem próximas. Pareciam da mesma idade.

“Parece que teve algo para fazer. Você quer esperar aqui?”

“Não, tudo bem, vou aguardar no corredor.”

Não me sinto confortável em lugares como a sala dos professores*. Como não quis atrair a atenção, decidi ficar no corredor. Assim que pensei nisso, a professora saiu para o corredor.

“Eu sou Hoshinomiya Chie, responsável pela classe B. Eu fui a melhor amiga de Sae desde o ensino médio. Somos próximas o suficiente para nos chamarmos de Sae-chan e Chie-chan~”

Nunca ouvi falar disso antes, mas parece uma informação inútil.

“Por que Sae-chan te chamou aqui? Por que, por que?”

“Quem sabe. Não sei o motivo…”

“Não entendo. Chamaram você, mas sem motivo? Fuun? Qual é o seu nome?”

Uma bateria de perguntas. Ela me examinou de cima a baixo.

“Meu nome é Ayanokouji.”

“Ayanokouji-kun? Não é um ótimo nome~? Você deve ser popular, certo~?”

O que passa com essa professora totalmente informal. Parece mais um aluno que do que uma professora, se comparar com Chiyabashira-sensei. Se fosse uma escola de garotos, provavelmente roubaria os corações de todos os alunos.

“Ei, ei, você tem uma namorada?”

“Não… um, realmente não sou muito popular.”

Eu tentei parecer ofendido e machucado, mas Hoshinomiya-sensei continuou aproximando-se bruscamente. Com movimentos fluidos, ela agarrou meus ombros com suas mãos finas e bonitas.

“Fuun? Que estranho, eu teria ido totalmente para você se estivéssemos na mesma classe~. É porque você é muito inocente? Ou você é tsuntsun*?”

Tocava minhas bochechas com seus dedos. Eu não tinha certeza do que dizer. Se lambesse os dedos dela, ela provavelmente pararia, mas se descobrirem isso em uma reunião de professores, eu posso ser expulso imediatamente.

“O que você está fazendo, Hoshinomiya?”

De repente, Chiyabashira-sensei atingiu Hoshinomiya-sensei na cabeça com uma pasta. Hoshinomiya-sensei encolheu, segurando sua cabeça dolorida.

“Oww. Porque você fez isso!”

“Porque você estava fazendo coisas estranhas para um aluno.”

“Eu só estava falando com ele enquanto ele esperava que você voltasse!”

“Vamos deixar as coisas assim. Desculpe por fazê-lo esperar, Ayanokouji. Bem, vamos para a direção.”

“Não, não esperei muito. Mas, para a direção… fiz alguma coisa? Eu pensei que estava levando uma vida escolar não-chamativa.”

“Boa resposta. Venha comigo.”

Segui Chiyabashira-sensei enquanto pensava “Sobre o que se trata isso…”

De repente, Hoshinomiya-sensei caminhou ao meu lado com um sorriso. Quando percebeu isso, Chiyabashira-sensei virou-se e olhou para ela com a aparência de um demônio.

“Você não, você fica.”

“Não fale tão friamente~. Não há problema se eu ouvir, certo? Além disso, Sae-chan não é do tipo que dá aulas particulares, certo? Levar Ayanokouji-kun para a direção tão de repente… você tem algum propósito específico?”

Respondendo a Chiyabashira-sensei com um sorriso, ficou atrás de mim e apoiou as mãos nos meus ombros.

Eu não podia ver o rosto de Chiyabashira-sensei, mas percebi que havia eletricidade no ar.

“Por acaso, Sae-chan, você está procurando por um homem jovem?”

Um homem jovem? O que você quer dizer com isso?

“Não diga bobagens. Isso é impossível.”

“Fufu, certamente. É impossível para Sae-chan~”

Hoshinomiya-sensei continuou a nos seguir.

“Por mais quanto tempo você vai nos seguir? Este é um problema sobre a classe D.”

“Eh? Eu não posso ir com você? Isso está mal? Olhe, eu também posso aconselhar~”

Enquanto Hoshinomiya-sensei nos seguia contra nossa vontade, um estudante apareceu em frente a nós de repente e bloqueando nosso caminho.

Ela era uma garota bonita com cabelo rosa claro e que eu nunca tinha visto.

“Hoshinomiya-sensei. Você tem tempo agora? O conselho estudantil tem alguns problemas para discutir.”

Olhou para nós por um momento, mas olhou de volta para Hoshinomiya-sensei.

“Olha, ela precisa de você. Apresse-se e vá.”

Chiyabashira-sensei atingiu Hoshinomiya-sensei em sua bunda com sua pasta.

“Mou~ eu acho que vai se irritar caso eu fique mais tempo, então eu vou te ver mais tarde, Ayanokouji-kun. Bem, vamos à sala dos professores, Ichinose-san.”

Depois disso, se virou e voltou para a sala dos professores com Ichinose.

Depois de ver Hoshinomiya-sensei, Chiyabashira-sensei coçou a cabeça ligeiramente e continuou caminhando em direção à sala. Logo chegamos lá.

“Então… por que você me chamou?”

“Um, sobre isso… antes disso, venha aqui.”

Enquanto olhava o relógio na parede, abriu uma porta dentro da própria sala. Colocou um bule na cozinha do escritório.

“Vou fazer um pouco de chá verde. Você gosta de chá verde tostado?”

Peguei o saco de chá verde tostado.

“Não faça mais nada. Entre rapidamente. Até que eu diga que está bem que você volte, fique aqui em silêncio. Se você não fizer isso, você será expulso.”

“Ha? O que você quer dizer com—”

Sem me dar uma explicação, fechou a porta da cozinha para o escritório. O que diabos ela está tentando fazer? Fiquei em silêncio enquanto como ela me disse, e logo ouvi o som da porta da direção se abrindo.

“Entre, entre. Bem, o que você tem para me dizer? Horikita.”

Parece que Horikita foi convocada para a direção.

“Eu vou perguntar-lhe com franqueza. Por que me colocaram na classe D?”

“Você realmente está perguntando isso?”

“Hoje, você disse que as classes foram divididas pela superioridade. E a classe D era o mais baixo grupo de sobras.”

“Eu certamente disse isso. Você parece se considerar uma pessoa ‘superior’.”

Pergunto-me como Horikita responderá a isso. Aposto que ela vai se opor a essas palavras.

“Eu acho que resolvi quase todos os problemas do exame de admissão, e não cometi grandes erros na entrevista. Pelo menos, não acho que eu deveria estar na classe D.”

Olha só, eu acertei bem no alvo. Horikita é o tipo de pessoa que acha que ela é a melhor. Tampouco é do tipo coibida, e realmente acha que é superior aos outros. Nos resultados do teste, Horikita também empatou em primeiro lugar.

“Você resolveu quase todos os problemas do exame de admissão, você diz. Normalmente, não podemos mostrar os resultados desse teste, mas vou fazer uma exceção com você. Por acaso, eu tenho a sua folha de respostas aqui.”

“Você está totalmente preparada, pelo que vejo… parece que já sabia que eu viria aqui protestar contra meu lugar.”

“Eu sou uma professora. Compreendo os alunos até certo ponto. Horikita Suzune. Como você pensou, no exame de ingresso, você terminou em 3º lugar entre todos os calouros. Sua pontuação ficou atrás do primeiro e segundo lugar por uma pequena margem. Você foi muito bem. E nenhum problema particular foi observado durante a entrevista. Na verdade, você foi altamente classificada.”

“Muito obrigada. Então— porque?”

“Antes disso, por que você não está satisfeita com a classe D?”

“Não há ninguém que fique feliz quando o avaliam incorretamente. Além disso, as diferenças entre as classes afetam muito as possibilidades futuras. É natural não estar feliz.”

“Quando eles avaliam você incorretamente? Ei, ei, sua avaliação de si mesma é muito alta.”

Chiyabashira-sensei zombou, ou melhor, riu abertamente de Horikita.

“Eu reconheço que suas habilidades acadêmicas são altas. Você definitivamente é inteligente. No entanto, quem disse que as pessoas mais inteligentes são aquelas que chegam às classes mais altas? Nós nunca dissemos isso.”

“Isso é—isso é sentido comum.”

“Sentido comum? Esse ‘sentido comum’ por acaso não criou o Japão arruinado em que vivemos agora? Certamente, costumávamos separar os inferiores dos superiores com as qualificações. Como resultado, pessoas incompetentes tentaram reduzir a diferença desesperadamente por derrotar pessoas superiores. No final, isso levou a um sistema de herança.”

O sistema de herança significa que o status social, a honra e os trabalhos são passados de uma geração para outra, eles são herdados.

Ao ouvir essas palavras, eu involuntariamente soltei um gemido suave. O meu peito dói.

“É verdade, você tem a capacidade de estudar. Não vou negar isso. No entanto, o objetivo desta escola é produzir pessoas excelentes. É um grande erro pensar que você pode ser atribuído a uma classe superior simplesmente estudando. Foi a primeira coisa que explicamos na cerimônia de abertura. Além disso, pense com calma. Você acha que alguém como Sudou entraria se acabássemos apenas admitindo as pessoas por sua inteligência?”

“Tsu…”

Embora esta seja uma das melhores escolas do Japão, eles aceitam estudantes interessados em outras áreas além de estudos.

“Além disso, é precipitado dizer que não há ninguém que ficaria feliz se o avaliarem de forma incorreta. A classe A, por exemplo, recebe muita pressão da escola e muita inveja das classes mais baixas. Competir com tanta pressão é mais difícil do que você pensa. Há estudantes que se sentem mais confortáveis se os avaliarem de maneira mais baixa do que realmente são.”

“É uma piada, certo? Não consigo entender esse tipo de pessoas.”

“Realmente? Eu acho que há alguns na classe D. Estudantes excêntricos que permaneceriam em uma classe de baixo nível com prazer.”

Parecia que estava falando comigo através da parede.

“Ainda não explicou claramente. Meu lugar na classe D é verdadeiro, e não houve engano na minha avaliação? Por favor, verifique novamente.”

“É uma pena, mas seu lugar na classe D não foi um erro. Você está definitivamente na classe D. Você é uma estudante desse nível.”

“… certo. Eu vou verificar com a escola mais tarde.”

Parece que decidiu que sua professora não era a pessoa certa para perguntar sobre o assunto, e se rendeu.

“Você receberá a mesma resposta se você tentar falar com alguém de uma posição mais alta. Não precisa ficar tão desapontada Como eu disse esta manhã, as turmas podem superar umas às outras. Lembre-se de que existe a possibilidade de chegar à classe A antes da formatura.”

“Não parece ser um caminho muito fácil. Como a imatura classe D ganhará mais pontos do que a classe A? Não importa como olhe para isso, é impossível.”

Essa era a opinião sincera de Horikita. Há uma enorme diferença de pontos nesta ocasião.

“Não sei. É decisão de vocês se seguirão pelo caminho da insensatez ou não. Você tem alguma razão especial pela que precisa estar na classe A?”

“Isso é… eu estou me retirando por hoje. No entanto, lembre-se de que ainda não entendo isso.”

“Ok, eu me lembrarei disso.”

Ouvi o som de uma cadeira se movendo. Parece que a discussão acabou.

“Oh, certo. Também chamei outra pessoa para a direção. É uma pessoa relevante para você.”

“Relevante para mim…? Não pode ser… Nii-sa—”

“Saia, Ayanokouji.”

Não me chame em um momento como esse. Certo, não irei sair.

“Se você não sair, você será expulso.”

C-cruel. Você não deve usar a expulsão como uma arma injustamente.

“Quanto tempo você vai me manter esperando?”

Enquanto suspirava, saí da cozinha do escritório e entrei na direção. Claro, Horikita ficou surpresa.

“Você estava… nos ouvindo?”

“Ouvindo? Eu sei que vocês estavam falando sobre algo, mas eu não ouvi nada. As paredes são muito grossas.”

“Isso não é verdade. Você pode ouvir tudo claramente da cozinha.”

Por algum motivo, parece que Chiyabashira-sensei queria me arrastar para a sala.

“… Sensei, por que faria isso?”

Horikita imediatamente notou que tudo isso foi preparado. A raiva era mais do que clara em seu rosto.

“Porque eu decidi que era necessário. Bem, Ayanokouji, vou lhe dizer o motivo pelo qual eu chamei você.”

Chiyabashira-sensei fechou a pergunta de Horikita e voltou sua atenção para mim.

“Com sua permissão…”

“Espere, Horikita. É melhor você ouvir até o fim. Será uma pista sobre como você poderá subir para a classe A.”

Horikita parou e sentou-se em seu lugar.

“Por favor, seja breve.”

Olhando para sua pasta, Chiyabashira-sensei riu.

“Você é um estudante interessante, Ayanokouji.”

“Eu não sou nada interessante, não tão interessante como alguém como Chiyabashira-sensei, que tem um apelido estranho.”

“Você quer se prostrar diante de todas as Chiyabashiras do país? Hmm?”

Não, mesmo se você buscasse por todo o país, provavelmente não há mais ninguém além de você…

“Depois de ver os resultados do teste de admissão, pensei em métodos potenciais de ensino individual, mas depois de ver os resultados do seu teste, você me interessou. Fiquei surpresa a princípio.”

Uma folha de respostas de exame de admissão estava na pasta.

“50 pontos em japonês, 50 pontos em matemática, 50 pontos em inglês, 50 pontos em história, 50 pontos em ciência… e o resultado do teste mais recente também foi de 50 pontos. Você sabe o que isso significa?”

Assustada, Horikita observou meu exame e depois olhou para mim.

“Que coincidência terrível.”

“Oh? Você vai afirmar que seus resultados são uma coincidência até o final? É claramente intencional.”

“É uma coincidência. Você não possui nenhuma prova. De qualquer forma, qual seria o benefício de manipular meus próprios resultados? Se eu tivesse um cérebro para alcançar notas altas, eu apontaria por notas perfeitas em todas as matérias.”

Vendo-me fingir inocência, soltou um suspiro de espanto.

“Sério, você é um estudante muito estranho. Tem certeza? O problema número 5 de matemática só foi resolvido por 3% de todos os estudantes deste ano. Além disso, você incluiu uma fórmula complexa e usou-a perfeitamente. Por outro lado, 76% responderam corretamente a número 10. Você cometeu um erro? Ou isso é ‘normal’?”

“Eu não sei o que é normal neste mundo. É uma coincidência, uma coincidência.”

“Céus. Admiro sua atitude, mas isso irá causar-lhe problemas no futuro.”

“Eu pensarei sobre isso quando chegar a hora.”

Chiyabashira-sensei deu a Horikita um olhar que dizia: “Que tal isso?”

“Por que… você finge que não entende?”

“Não, como eu disse, é uma coincidência. Não é como se estivesse escondendo que sou um gênio ou algo assim.”

“O que você acha? Ele pode ser mais inteligente do que você, Horikita.”

Horikita estremeceu claramente. Sensei, não diga coisas desnecessárias.

“Não gosto de estudar, nem gosto de fazer o meu melhor. É por isso que tirei essas notas.”

“Não se trata dos estudantes que escolhem esta escola. Como Koenji e você, há outros que se importam em não estar na classe A ou D.”

Não é apenas esta escola, mesmo os professores não são normais. Durante sua conversa anterior, Chiyabashira-sensei conseguiu irritar Horikita com suas palavras. É como se conhecessem os “segredos” de todos os alunos.

“Do que se trata? Quais outros motivos existem?”

“Você quer ouvir isso em detalhes?”

Notei que Chiyabashira-sensei tinha um brilho afiado em seus olhos. De alguma forma, parece que estava tentando provocá-la.

“Não, vou parar aqui. Se eu continuar ouvindo, acho que ficarei louca e quebrarei os móveis.”

“Se você fizer isso, Ayanokouji será rebaixado para a classe E.”

“Existe tal classe?”

“Certamente. Classe E significa expulsão. Em outras palavras, abandonar a escola. Bem, a conversa acaba aqui. Aproveitem as suas vidas escolares a partir de agora.”

Que resposta sarcástica.

“Eu também irei. É hora da reunião dos professores. Eu vou fechar esta sala, então vamos sair.”

Retirou-nos da sala. Por que Chiyabashira-sensei nos reuniu aqui? Não parece ser o tipo de pessoa que faz ações malignas.

“De qualquer forma… devemos voltar?”

Comecei a andar sem esperar pela confirmação. Provavelmente é melhor se voltarmos separadamente.

“Espere.”

Horikita me impediu, mas eu continuei andando. Se eu me afastar dela até chegar aos dormitórios, meu objetivo será cumprido.

“Sua pontuação é… uma coincidência de verdade?”

“Eu já disse que era. Ou você tem alguma evidência de que eu fiz isso de propósito?”

“Não tenho provas, mas… Ayanokouji-kun, não entendo. Você evita problemas e você não tem interesse na classe A.”

“Você também tem alguns pensamentos incomuns sobre a classe A.”

“…não deveria? Estou trabalhando para que futuras possibilidades sejam mais vantajosas.”

“Não, é perfeitamente normal.”

“Esse foi o meu objetivo desde que entrei nesta escola. Na verdade, é um pouco diferente. Ainda não estou sequer na linha de partida.”

Percebi que Horikita acelerou e estava caminhando ao meu lado.

“Então, você vai aspirar a classe A?”

“Primeiro, quero descobrir as verdadeiras intenções desta escola. Por que fui designada para a classe D. Chiyabashira-sensei disse que eu fui julgada como uma pessoa adequada para a classe D, então… quando eu descobrir, vou aspirar à classe A. Não, sempre vou aspirar a classe A.”

“Isso vai ser bastante difícil. Você terá que corrigir essas crianças problemáticas. As eternas chegadas tardias de Sudou, as conversas em aula e as notas dos exames. E mesmo se você conseguir isso, continuará sendo ± 0.”

“… eu já sei. E eu ainda espero que a minha designação de lugar tenha sido um erro da escola.”

A transbordante confiança de Horikita tinha se transformado em ansiedade. Você realmente “já sabe”?

A única conclusão que tirei da informação de hoje é a palavra “desesperança”. Se você seguir as regras básicas da vida escolar, as perdas podem ser evitadas até certo ponto. No entanto, o crucial é que não sabemos como transformar as perdas em lucros. Mesmo a classe superior, a A, teve reduções de pontos.

Embora encontremos uma maneira de aumentar nossos pontos de forma eficiente, as outras classes também procurarão uma maneira de fazer o mesmo.

Além disso, uma vez que existe uma grande diferença de pontos, é muito difícil competir entre as classes com um tempo limitado.

“Eu posso entender seus pensamentos até certo ponto. No entanto, não acho que a escola continuará a observar cuidadosamente os estudantes. Então não faz sentido competir.”

“Eu vejo, você também pode pensar dessa maneira.”

Eu interpretei que a escola não permite que a classe A fique muito longe no primeiro mês de admissão. Em outras palavras, Horikita acreditava que esta era a nossa oportunidade de alcançar um grande aumento nos pontos.

“Você planeja lidar com esta situação com suas próprias mãos?”

“Sim.”

“Que resposta rápida.”

Uma mão apunhalou a lateral do meu corpo. Horikita me ignorou quando mostrei uma expressão de dor.

“Ouch… eu entendo seus sentimentos, mas não é um problema que você possa resolver por conta própria. Quero dizer, Sudou. Mesmo você possa melhorar, não poderá conseguir nada se o resto da classe estiver perdida.”

“Não, é um pouco diferente. É verdade que uma pessoa não pode realizar nada por conta própria, e se ninguém põe seu próprio esforço, será um problema extraordinariamente difícil. A menos que todos o façam, não podemos começar a competir contra as outras classes.”

“Então, o que você vai fazer? Tudo o que você fez é admitir que é um grande problema.”

“Existem 3 pontos principais que precisamos corrigir para melhorar. Chegadas tardias e conversas na classe. E então, nos certificar de que todos aprovem os testes de meio termo.”

“Os primeiros dois provavelmente podem ser corrigidos até certo ponto. No entanto, os exames são…”

O pequeno teste no outro dia teve alguns problemas complexos, mas, em geral, era simples. Mesmo assim, houve muitos estudantes que reprovavam, então, sendo honesto, os testes de meio termo parecem assustadores.

“Além disso — eu quero pedir sua cooperação.”

“Cooperação?”

Horikita olhou para mim com uma expressão totalmente desagradável.

“Esta manhã, você se recusou a ajudar Hirata, posso recusar agora pelo mesmo motivo, certo?”

“Você quer recusar?”

“E se eu disser que ficarei feliz em ajudar?”

“Eu nunca pensei que você chegaria ao ponto de dizer que você terá prazer em ajudar, mas eu não acho que você vai negar isso também. Se você realmente não quer ajudar, então… eu não vou insistir. Não pode ser evitado se você se negar do jeito que eu fiz. Então, conto com a sua ajuda ou não?”

Se possível, quero lembrar as palavras que ela usou para rejeitar Hirata mais cedo… no entanto, não quero me recusar categoricamente a ajudar alguém que me solicite. Não, não, fique calmo. Se eu disser que vou ajudar, provavelmente me fará trabalhar até morrer até a formatura. Preciso ter o coração de um demônio aqui.

“Eu me recuso.”

“Desde o início pensei que Ayanokouji-kun cooperaria. Eu dou a minha gratidão.”

“Não disse isso! Eu recusei totalmente!”

“Não, eu ouvi a voz em sua mente. Você disse que ajudaria.”

Que assustador, ela leu minha mente.

“Eu não acho que tenha algo em particular em que eu possa ajudar.”

Horikita é definitivamente uma pessoa inteligente. Eu não acho que precise de minhas habilidades.

“Não há nada com que se preocupar. Não preciso do seu cérebro. Deixe os planos para mim e você pode ser a força.”

“Ha? Por que eu seria a força?”

“Você não está preocupado com os pontos da sua classe? Se você seguir minhas instruções, prometo fazer os nossos pontos positivos. Eu garanto.”

“Tenho certeza de que você tem algum tipo de plano, mas você pode contar com outras pessoas além de mim. Se você fizer amigos, pode pedir ajuda.”

“É uma pena, mas não há mais ninguém na classe D além de você que seja remotamente competente.”

“Não, não, há muitas pessoas. Por exemplo, Hirata. Um companheiro como ele tem muita influência na classe e é inteligente — é perfeito. Além disso, ele está preocupado por você não ter amigos.”

Se você recorrer a ele, provavelmente se tornarão amigos rapidamente.

“Ele não será útil. Embora tenha talento e capacidade, não posso aceitá-lo. Se eu fizer uma comparação, o que eu preciso é uma peça de xadrez. O que eu quero agora não é ouro nem prata, mas um peão.”

Você está me chamando de peão? É disso que você está me chamando?

“Um peão também pode ser usado para ganhar dinheiro.”

“Uma resposta interessante, mas você é uma pessoa que não faria muito esforço. Você não pensou: ‘Eu acho que está bem ser um peão, mas não quero admitir isso’?”

Ela me deu um tsukkomi instantaneamente. Se eu fosse uma pessoa normal, teria ferido meus sentimentos.

“Desculpe, mas não posso ajudá-la. Não sou bom nisso.”

“Bem, você pode me contatar quando você ordenar seus pensamentos. Eu esperarei ansiosa por isso.”

Minhas palavras não chegaram a Horikita.



Comentários