A Classe da Elite Japonesa

Tradução: Kote


Volume 2

Capítulo 1: O início abrupto de tempos turbulentos

Introdução

 

Foi o pior momento possível.

Enquanto procurava lugares para fazer uma selfie, dei de cara com um incidente. Era um estado de coisas tensas. A coisa toda começou há alguns segundos, quando uma acusação trivial provocou o outro grupo e rapidamente se transformou em uma luta. Não, chamar de “luta” com os punhos é o mais preciso. Três estudantes do sexo masculino estavam no chão, cobertos por feridas. Um garoto de cabelos ruivos estava de pé sobre eles, olhando para baixo. Era uma bela de uma luta unilateral.

Eu vi listras de sangue em seu punho direito das feridas dos outros garotos. Era a minha primeira vez vendo uma briga de verdade. No primário, vi garotos puxando as roupas uns dos outros e se apertando, mas isso era diferente. Eu podia sentir o peso da situação tensa.

Mesmo tendo medo, inconscientemente tirei fotos da cena. O disparador saiu silenciosamente. Pensei pra mim mesma, “O que estou fazendo?”, mas com pânico, não pude pensar com muita clareza.

Tentei sair da área o mais rápido possível. Mas meu cérebro não estava funcionando normalmente, e minhas pernas não faziam o que eu queria. Sentindo-me paralisada, não consegui me mover.

“Hehe, você acha… que tudo acabará com isso, Sudou?”

O garoto que mal podia mover sua parte superior do corpo tentava desesperadamente resistir apesar do medo.

“Você está tentando me fazer rir? Vocês três estão em um estado deplorável. Você quer voltar para mim novamente? Não vou me segurar na próxima vez.”

Agarrando a gola do aluno que perdeu seu espírito de luta no meio do caminho, Sudou puxou o rosto do outro garoto a alguns centímetros de distância do dele. Parecendo que ele os devoraria a qualquer momento, os garotos, já derrotados, desviaram o olhar.

“Você está chocado? Você achou que poderia ganhar se você tivesse mais pessoas?”

Rindo pelo nariz, Sudou-kun o deixou cair no chão e pegou sua bolsa.

Como se ele tivesse perdido o interesse pelos três garotos, Sudou-kun virou-se e começou a se afastar.

Nesse instante, os batimentos do meu coração dispararam. Bem, é natural. Afinal, Sudou-kun começou a andar em direção do meu esconderijo. Minhas rotas para o telhado são limitadas. A teoria é descer a escada que eu usei para subir aqui. Perdendo o tempo certo para escapar, meu corpo não pôde se mover como eu queria. Ouvi dizer que quando alguém se envolve em um acidente, seu corpo se acalma e se sente paralisado, e essa era a situação exata em que eu estava agora.

“Isso foi inútil. Deixando-me cansado depois da prática, me dê um descanso.”

A distância estava se reduzindo. Ele estava a poucos metros de distância.

“… quem vai se arrepender disso mais tarde é você, Sudou.”

Um dos garotos gritou para Sudou com uma voz tensa.

Minha paralisia desapareceu lentamente, como se uma maldição estivesse sendo levantada.

“Não há nada tão vergonhoso como a choradeira de um perdedor. Não importa quantas vezes você tentar, você não ganhará contra mim.”

Ele claramente não estava blefando; era óbvio que ele tinha a confiança para isso. Afinal, Sudou-kun conseguiu sair ileso de uma briga onde ele estava em uma clara desvantagem em termos de números.

Amanhã era o primeiro dia de julho; estava começando a parecer verão.

Ainda não me afastando do meu esconderijo, o suor começou a se formar na parte de trás do meu pescoço.

Sem entrar em pânico, decidi sair do meu lugar discretamente.

Eu só tenho que evitar ser vista e acabar envolvida na situação.

Se eu me envolver, apenas um futuro sombrio aguardará minha vida calma e tranquila na escola.

Com cuidado, mas rapidamente, me afastei e deixei o lugar pra trás.

“Tem alguém aí…?”

Inconscientemente querendo escapar, o ar mudou ligeiramente. Sentindo a mudança de atmosfera, Sudou olhou para o local onde eu estava escondida há momentos atrás. No entanto, pude escapar por um triz.

Se eu estivesse atrasada por um ou dois segundos, ele provavelmente teria visto minha figura em retirada.

 

Parte 1

 

As manhãs eram sempre animadas na classe D. Era porque a maioria dos alunos estava longe de ser sérios.

Mas hoje, estava mais alto do que o habitual. E não é nem sequer necessário dizer a razão. Era porque provavelmente obteríamos alguns pontos desde a cerimônia de entrada.

A escola que eu frequento, “Escola Koudo Ikusei”, usa um novo sistema chamado sistema S. Vou explicar um pouco sobre isso.

Sacando o celular recebido pela escola, abri o aplicativo pré-instalado da escola e entrei usando minha identificação e minha senha. Em seguida, cliquei no item que dizia “Fundos Remanescentes”.

Muitas coisas podem ser feitas a partir desta página. Você pode verificar seus próprios pontos e os pontos da classe. Além disso, você pode dar pontos de sua própria conta para outros alunos.

Existem dois tipos de pontos listados; o do final está listado como “cl”. Ele significa “classe”, e ele lista quantos pontos a classe tem. Não é a quantidade de todos individualmente, mas sim os pontos que a própria classe tem. Ao lado de nossa classe, classe D, mostrava que tínhamos “0 cl” desde junho. Em outras palavras, não temos nenhum ponto. Outro tipo é o “pr”. Ele significa “particular”, e mostra nossos pontos individuais.

No primeiro dia de cada mês, 100 pontos cl são depositados em nossa conta privada.

Esses pontos particulares são para nós comprarmos necessidades, refeições, dispositivos elétricos ou qualquer outro bem; eles ocupam o papel do dinheiro e são muito importantes.

Já que o dinheiro real não pode ser usado no campus, se não tivermos pontos particulares, somos forçados a viver dia a dia sem dinheiro para usar.

Uma vez que os pontos da classe D são 0, inevitavelmente, não obtemos pontos particulares e, portanto, temos que viver sem dinheiro.

No entanto, no início do ano, nossos pontos de classe eram de 1 mil.

Se mantivéssemos os nossos pontos, estaríamos recebendo 100,000 ienes todo mês. No entanto, os nossos pontos de classe foram sendo gastos dia após dia. Coisas como tirar notas ruins ou conversar durante a aula contribuem muito para a redução de pontos. Como resultado, a classe D não tem pontos desde o primeiro dia de maio. É triste, mas isso continuou até hoje, primeiro de julho.

Além do nosso subsídio mensal, os pontos de classe também determinam o mérito da nossa classe. Na ordem decrescente de pontos, as classes são ordenadas da classe A até a classe D.

Então, se a classe D tiver mais pontos do que a classe C, a classe D provavelmente se tornaria classe C no próximo mês. E eventualmente, se chegarmos à classe A, nossos sonhos de alta educação e oportunidades de trabalho seriam cumpridos.

Quando ouvi falar sobre este sistema, pensei que era importante manter nossos pontos de classe o mais alto possível. Salvar pontos particulares não ajudaria em nada.

Mas meus pensamentos mudaram uma vez que compramos um ponto para o teste.

No teste anterior, consegui comprar um ponto para Sudou, que lamentavelmente não alcançou o ponto de corte por um ponto. Quando eu vi a escola concordar prontamente em vender o ponto, entendi que Chiyabashira-sensei não estava brincando quando disse essas palavras.

“Nesta escola, não há nada que você não possa comprar com pontos.”

Ou seja, manter pontos particulares significa que você pode tornar uma situação mais vantajosa.

Se esse for o caso, provavelmente é possível obter mais do que apenas pontos para os testes.

“Bom dia. Todo mundo parece mais inquieto do que o habitual hoje.”

Quando o sino tocou para a sala de aula, Chiyabashira-sensei entrou na sala de aula.

“Sae-chan-sensei! Nós também temos 0 pontos este mês? Quando eu chequei esta manhã, não tínhamos um único ponto!”

“Oh, então é por isso que vocês estavam inquietos?”

“Este mês, nós ralamos pra caramba! Nós passamos nos testes… então, não é cruel continuarmos com 0!? Não chegamos atrasados para as aulas, não estivemos ausentes e não ficamos conversando durante as aulas!”

“Não vá decidindo as coisas por conta própria. Deixe-me falar primeiro. Ike, você claramente trabalhou mais do que eu tinha visto antes. Nós reconhecemos isso. Naturalmente, a escola entende como você se sente também.”

Depois de ser advertido, Ike fechou a boca e se sentou.

“Bem então, este é o total de pontos do mês.”

Os resultados dos pontos estavam listados a partir da classe A no papel que ela colocou no quadro.

Tirando a classe D, todas as classes estavam bastante próximas, e todos receberam aproximadamente 100 pontos.

A classe A era 1004 pontos, um pouco acima da quantidade de pontos com que todos começaram.

“… não é um desenvolvimento muito agradável. Eles já descobriram como aumentar os pontos de forma confiável?”

A pessoa que se sentava do meu lado, Horikita Suzune, parecia preocupar-se apenas com os pontos das outras classes, mas Ike, juntamente com a maioria da classe, não se importava com as outras classes. Para eles, é importante que tenhamos pontos?

Escrito junto à classe D estava— 87 pontos.

“Huh? Isso é, 87… nós realmente aumentamos nossos pontos!? Woohoo!”

Depois de ver os pontos, Ike saltou para cima e para baixo com entusiasmo.

“Não fique excitado tão cedo. Todas as outras classes aumentaram seus pontos sobre o mesmo valor que vocês. A lacuna não se aproximou. Isso parece uma recompensa por apenas passar no teste. Todos receberam cerca de 100 pontos.”

“Entendo. Eu pensei que era estranho que tivéssemos pontos premiados tão rapidamente.”

Horikita, que estava apontando para a classe A, parecia que não estava feliz com os pontos que recebemos e não estava sorrindo.

“Você está desapontada, Horikita? Que a diferença tenha aumentado ligeiramente.”

“Não é nada disso. Afinal de contas, eu consegui algo desta vez.”

“O que você quer dizer, você conseguiu algo fora disso?”

る。

Ike se levantou e perguntou a Horikita. Atraindo a atenção dos outros colegas, Horikita voltou a ficar em silêncio. Hirata Yousuke, depois de observar a situação, se levantou e respondeu por ela.

“As reduções que obtivemos durante abril e maio… em outras palavras, além de conversar e chegar atrasado para as aulas, não houve outras reduções, é o que eu acredito que Horikita-san estava dizendo.”

A resposta rápida da Hirata tirou suas dúvidas. Isso é impressionante.

“Ah, então é assim. Se houvesse muitas reduções, nossos 100 pontos teriam sido 0.”

Depois de ter entendido a fácil explicação, Ike ergueu os braços em celebração.

“Huh? Então, por que não conseguimos nenhum ponto?”

Voltando à pergunta original, Ike olhou para Chiyabashira-sensei.

Se não tivéssemos 8700 pontos, seria estranho.

“Desta vez, tiveram alguns problemas. Os pontos para os primeiranistas estão atrasados. Desculpe, mas vocês terão que aguardar um pouco mais.”

“Eh~, sério? Já que a escola está tendo problemas, não devemos obter algum tipo de brinde?”

Todos os alunos resmungaram em descontentamento. Assim que entenderam que obtiveram pontos, suas atitudes mudaram completamente. Ter 87 pontos e nenhum ponto é um mundo de diferença.

“Não me culpem por isso. A escola decidiu isso, não eu. Uma vez que o problema seja resolvido, vocês receberão seus pontos. Se houver pontos, claros.”

As palavras de Chiyabashira-sensei pairavam no ar.

 

Parte 2

 

Quando chegou a hora do almoço, todos saíram sozinhos para obter comida.

No entanto, ultimamente venho pensando que sair com amigos durante esse período é a coisa mais difícil sobre a vida escolar. Pegue Kushida Kikyou, por exemplo. Ela é amiga de muitas garotas e garotos, e é imensamente popular, então, enquanto ela obviamente é convidada pessoalmente, ela também é convidada por e-mail e celular o tempo todo. Mesmo que de vez em quando ela tenha que recusar as pessoas, ela parece ter uma vida, saindo para comer com muitos amigos.

Por outro lado, pessoas que não são populares com garotas, como Ike e Yamauchi, parecem sempre comer com um grupo de garotos que são próximos a eles. Sudou e Hondou fazem parte desse grupo.

O que eu quero dizer é que eu não pertenço a nenhum lugar.

Sou amigo de Kushida e também sou amigo de Ike e Yamauchi. Embora eu comesse com eles, não era muito frequente. Geralmente, era um relacionamento onde a outra parte se aproximava de mim e perguntaria: “Quer almoçar?” ou “Você está livre depois da escola?”.

Eu não me importei com isso no início do ano letivo. Como era antes de fazer amigos, era natural que eu estivesse sozinho, já que não havia mais ninguém que eu conhecesse.

Mas agora, era um estranho fenômeno de “ficar sozinho, embora eu tenha amigos.”

Esse fenômeno… é uma experiência realmente desconfortável. Se houvesse um dia em que decidíssemos em grupos sobre uma viagem escolar e eu não tivesse ido pra aula nesse dia, seria realmente provável que eu não fosse convidado por ninguém. Eles pensam que eu sou um amigo de baixo nível, ou é que só eu penso neles como amigos? Talvez eu esteja com um enorme mal-entendido sobre o nosso relacionamento.

Sentindo-me inquieto, olhei para o grupo de Ike. Estou aqui, está tudo bem me convidar. Era um olhar egoísta e de fraca antecipação.

E então, me sentindo mal por mim mesmo, lembrei-me de que era ruim não saber quando desistir e evitei olhar.

Esses eventos miseráveis se repetem todos os dias.

“Você ainda não está acostumado a isso, eu vejo. Como de costume, você é lamentável, Ayanokouji-kun.”

Minha vizinha olhou para mim com um olhar frio.

“… você parece estar completamente acostumada a estar sozinha.”

“Eu estou bem, obrigada.”

Era para ser sarcástico, mas ela respondeu francamente.

A maioria dos meus colegas de classe já havia formado grupos, mas o número de pessoas como ela que estavam comendo sozinhos não eram poucos, então eu me senti aliviado.

Koenji também passava a maior parte do tempo sozinho. No início, ele estava surpreendentemente passando muito tempo na cafeteria com garotas de outras classes e séries, mas, como seus pontos estavam baixos, ele começou a passar mais tempo na sala de aula.

O único herdeiro do conglomerado Koenji, uma das maiores empresas no Japão, não preferia estar sozinho, mas sim, era uma pessoa que gostava de si mesmo e não se preocupava com os outros.

Senti respeito por ele já que ele não sente nenhuma angústia pela solidão.

Como de costume, ele verificou o rosto com um espelho de mão, e parecia não achar falhas em sua própria aparência.

Além dele, havia uma garota quieta usando óculos. Em um ponto, Ike estava interessado nela porque ele estava indo pelos seus peitos, mas, como ela era modesta e não se destacava particularmente, ninguém mostrou interesse por ela. Ela sempre estava sozinha, e nunca falava com ninguém.

Como todos os outros dias, ela estava comendo seu bento sozinha com suas costas encurvadas. Ela era uma das poucas que faziam seus próprios bentos.

E então, minha vizinha tirou um bento da bolsa e começou a abri-lo.

Ultimamente, Horikita não foi à cafeteria e, em vez disso, trouxe bentos caseiros.

“Você não precisa de muito tempo e esforço para fazer seu próprio bento?”

Embora não seja uma coisa luxuosa, mas há alimentos grátis na cafeteria para estudantes que usaram todos os seus pontos. Já que leva tempo e custa alguns pontos fazer seu próprio bento, a refeição gratuita parece ser a melhor opção.

“Eu não sei. O supermercado também possui ingredientes gratuitos, sabe.”

“Você fez isso com ingredientes gratuitos?”

Sem negar, Horikita abriu seu bento. Não tinha muita carne ou alimentos fritos, mas parecia muito bom.

“Você também é boa cozinhando? Não se encaixa com o seu personagem.”

“Qualquer um pode cozinhar depois de ler livros ou procurar coisas na internet. Todos os dormitórios também possuem as ferramentas necessárias.”

Sem se gabar de suas habilidades, ela tirou os seus pauzinhos. Eu acho que ela respondeu assim porque achava que era óbvio.

“Mas por que você decidiu fazer seu próprio bento?”

“A cafeteria é barulhenta. É muito mais tranquilo comer aqui, certo?”

Muitos estudantes foram comprar pão ou outras refeições na cafeteria no início do ano, mas agora que muitos estudantes não tinham mais pontos, uma grande quantidade de estudantes passou comer a refeição grátis. Se você prestar atenção, apenas algumas pessoas ficariam na sala de aula.

É isso que Horikita prefere? De qualquer forma, Ike e os outros já não estavam mais na sala.

“Eu já perdi a onda grande…?”

“Você sempre olha para o oceano, mas você nem sequer tem uma prancha de surf nem a resolução de surfar na onda. Mesmo assim, dizer que você não conseguiu surfar a onda… você fala como se você fosse grande coisa.”

Eu queria poder argumentar, mas ela não estava errada.

 

Parte 3

 

Diferentemente da hora do almoço, depois das aulas é mais confortável, pois não há necessidade de se preocupar com relacionamentos pessoais.

Além disso, não me sinto realmente excluído se eu for voltar para os dormitórios logo após as aulas, já que há algumas pessoas que fazem o mesmo.

Há mérito em poder desaparecer na multidão como um ninja. Se eu ficar na parte de trás de um grupo de amigos, eu posso fingir fazer parte de seu grupo.

“… que lamentável.”

Fiquei satisfeito comigo mesmo por fingir que eu tinha amigos, mas em primeiro lugar, não há ninguém nesta escola que se preocupe com quem eu saio.

“Sudou. Eu tenho algo para te dizer. Venha para a sala dos professores.”

Sudou, que estava tentando sair rapidamente da sala de aula, foi parado por Chiyabashira-sensei.

“Hah? Que negócios você tem comigo? Tenho um treino de basquete agora.”

Sentindo-se apático, ele abriu a bolsa, agarrou seu uniforme e mostrou-o para Sensei.

“Já conversei com seus conselheiros. Você não precisa ir, mas você enfrentará as consequências mais tarde.”

Sudou estava de guarda depois que Chiyabashira-sensei o ameaçou.

“Mas que diabos… isso vai acabar rapidamente?”

“Isso depende de você. Se apenas ficar aqui, estaremos perdendo mais tempo.”

Com essas palavras, parecia que não tinha escolha a não ser seguir.

Depois de estalar sua língua, Sudou caminhou atrás de Chiyabashira-sensei e saiu da sala de aula.

“Eu pensei que ele tivesse mudado, mas acho que Sudou é o mesmo de sempre. Não teria sido melhor se ele tivesse sido expulso?”

Eu não sei quem foi, mas eu pude ouvir alguém na classe murmurando isso.

Após o último teste, pensei que a classe se tornaria mais unida como um grupo. De alguma forma, essa parece ter sido apenas minha imaginação; acho que era uma mentira.

“Você também acha isso? Que teria sido melhor se Sudou-kun fosse expulso.”

Enquanto falava comigo, Horikita estava colocando seu livro na bolsa para retornar aos dormitórios. Provavelmente não há muitos estudantes que levam seus livros didáticos para rever e preparar as lições. É um pensamento triste.

“Eh, na verdade não. E você, Horikita? Sendo a única pessoa que ajudou Sudou.”

“Hmm… bem, ainda não sabemos quantos pontos positivos receberemos.”

Minha vizinha, Horikita, respondeu com uma voz desinteressada.

Quando Sudou estava a ponto de ser expulso, ela propositalmente baixou suas próprias notas e gastou seus pontos para comprar um ponto no teste para ele. Eu não esperava esse tipo de comportamento dela.

Ao mesmo tempo, nós dois nos levantamos dos nossos assentos e saímos da sala de aula juntos. Não sei quando, mas começamos a voltar para os dormitórios juntos. Uma vez que não comemos juntos, nem passamos a sair, é estranho que tenha chegado a isso. A única coisa que tínhamos em comum era que estávamos fazendo o mesmo caminho de volta. É provavelmente por isso que acabamos caminhando juntos.

“Eu me sinto um pouco preocupada. Sobre o que Sensei disse nesta manhã.”

“Sobre o atraso da entrega dos nossos pontos?”

“Sim. Parece que houve problemas, mas esse problema é da parte da escola ou da nossa parte? Se for o último…”

“Você está pensando demais. Ultimamente, não estivemos causando problemas. Ela também disse. Duvido que a classe D tenha sido a única classe a não obter nenhum ponto. Simplesmente falando, é um problema da escola.”

Se todos os primeiranistas tiveram a entrega de seus pontos atrasadas, então a probabilidade de a classe D estar envolvida é bastante baixa… provavelmente.

“Eu queria que esse fosse o caso. Afinal, esse problema afeta diretamente nossos pontos.”

Todos os dias, Horikita sempre pensa em como podemos aumentar nossos pontos. Ela não pensa em seus pontos particulares, mas sim, os pontos de classe, assim ela pode chegar à classe A. É claro que não é impossível, mas mesmo assim está muito longe da nossa compreensão.

No entanto, ainda há esperança. Se Horikita conseguir encontrar uma maneira confiável de aumentar nossos pontos, ela se tornará uma grande vantagem para a classe D. Além disso, nossos colegas de classe confiarão mais em Horikita e ela poderá fazer mais amigos. Uma situação ganha-ganha.

“Oh, certo, você deve se juntar ao bate-papo. Você é a única que não participa.”

Sacando meu celular, abri o aplicativo de bate-papo em grupo.

Após o teste, convidamos Horikita para o bate-papo em grupo. Kushida pensou que Horikita, que odiava interagir com outras pessoas, poderia participar se fosse um bate-papo em grupo. No entanto, seus esforços foram em vão, e Horikita não participou de nada.

“Não tenho absolutamente nenhum interesse. Eu também mantenho minhas notificações desligadas.”

“Então é assim?”

Bem, parece que ela não tinha intenção de participar desde o início. Ela provavelmente não apagou o aplicativo porque enviará notificações ao resto do grupo.

Se ela participa ou não depende apenas dela, então não segui o assunto. Eu também não tenho o direito de forçá-la.

“Ayanokouji-kun, você também está mais falante ultimamente.”

“Mesmo? Eu acho que sempre fui assim.”

“É apenas uma pequena diferença, mas você definitivamente mudou.”

Embora eu não quisesse mudar, eu devo ter mudado sem nem notar. Eu deveria me acostumar com isso.

Especialmente, sinto que me dou bem com Horikita— espera, não, definitivamente não nos damos bem, mas, estranhamente, não me sinto estranho ao redor dela. Se fosse alguma outra garota, não seria capaz de conversar normalmente e provavelmente ficaria nervoso.

É por isso que eu só falo com pessoas próximas a mim.

Mais do que tudo, agradeço que ficar em silêncio não piore o humor.

“Há algo que fez você mudar?”

“Eu me pergunto… se tivesse que encontrar um motivo, seria que eu simplesmente me acostumei com a vida escolar e fiz alguns amigos. Além disso, Kushida também foi um grande fator.”

Se for apenas um grupo de garotos, ninguém realmente fala muito e há muito silêncio na conversa.

Porém, se Kushida estiver lá, alguém sempre estará falando em um determinado momento, e a atmosfera fica mais animada.

“Você parece se dar bem com Kushida-san. Você não está preocupado, especialmente sabendo sobre seu outro lado?”

“Fiquei surpreso quando ela disse que te odiava. Mas é natural que você goste e odeie algumas pessoas. Não é útil se preocupar com coisas tão pequenas. Mesmo quando ela disse explicitamente, por que você finge se dar bem com ela?”

“Entendo. Bem, eu também odeio Ayanokouji-kun, mas ainda conversamos normalmente. Eu realmente não me importo.”

“Ei…”

Mas que diabos, por que dizer isso na minha cara…

“É isso que eu estou dizendo. Se alguém diz que odeia outra pessoa, está bem, mas se alguém diz que odeia você, você não se sente mal?”

“… você me testou?”

Ao dizer “Eu não sei, era eu?”, ela começou a alisar seus cabelos. Completamente forçado.

“Eu não pretendo incomodá-la, mas Kushida-san e eu somos como água e óleo. Eu acho que não há necessidade de brigar com ela.”

Em outras palavras, provavelmente significa que ela não vai se juntar a um bate-papo em grupo com Kushida nele.

“Em primeiro lugar, por que ela te odeia?”

Desde o início da escola, não houve muito contato entre as duas. Desde quando começou a odiar Horikita?

Kushida disse que era seu objetivo se dar bem com todos.

“Eu não sei. Ela provavelmente também não sabe muito sobre mim.”

Mesmo que seja o caso, parece que há algo entre Horikita e Kushida.

“Você está curioso? Vá perguntar a ela então.”

Isso é impossível.

Kushida Kikyou é normalmente uma garota angelical e perfeita, mas imprudentemente me mostrou um lado diferente dela.

É impossível dizer com seu sorriso gentil e seu tom de voz, mas ainda me lembro de suas observações na época. Também não acho que Horikita conheça.

“Não é preciso isso. Estou bem com Kushida de jeito que ela é agora.”

“Isso é simplesmente nojento, sabe?”

“… certo?”

Mesmo que essas palavras tenham vindo da minha boca, também me pareceu desagradável.

 

Parte 4

 

Depois de terminar o jantar, voltei para o dormitório. Sacando o meu celular, verifiquei o meu saldo. Eu tinha 8320 pr sobrando. Não mudou desde a manhã.

Considerando que obtivemos 100,000 pontos no início do ano, é uma quantidade muito pequena.

Eu gastei muitos pontos para comprar o ponto de Sudou.

“Seria incrível se tivéssemos nossos 87 pontos.”

Em ienes, seria 8700 ienes. Embora não seja suficiente, ainda é uma quantidade de dinheiro relativamente grande.

“Salve-me, Ayanokouji!”

Enquanto eu estava usando meu celular na cama, a porta abriu de repente. Era Sudou, corado.

“… por que você está com tanta pressa? Ou melhor, como você entrou?”

Lembro-me de fechar a porta quando voltei para o meu quarto. Eu não acho que eu tenha esquecido fazer isso já que eu faço por hábito. Ele arrombou a porta ou algo assim?

Só para ter certeza, chequei a porta, mas não estava quebrada.

“Este é o quarto onde fazemos nossas reuniões, então tivemos uma discussão e decidimos fazer cópias da chave. Você não sabia? Não é só eu, todos os outros também têm uma chave.”

Ele estava girando a chave na mão.

“Eu acabei de descobrir esse fato importante agora…”

De alguma forma, parece que meu quarto não é mais seguro contra os invasores.

“De qualquer forma, isso não importa. Estou em um ponto muito perigoso agora mesmo! Ajude-me.”

“É definitivamente importante. Me dê a chave.”

“Hah? Por que eu deveria? Comprei ela com meus próprios pontos. É minha.”

Que tipo de raciocínio defeituoso é esse? Se você cometeu um crime, ainda é um crime, não importa o que diga.

Mesmo se somos amigos, isso não significa que eu permitirei esse tipo de coisa.

“Se você está preocupado com alguma coisa, por que não pede ajuda para Ike ou Yamauchi?”

“Esses dois não são bons. Eles são estúpidos.”

Enquanto falava, Sudou sentou no chão.

“Compre algum tapete. Meu traseiro dói.”

Não tenho o suficiente para gastar dinheiro com mobília.

Em primeiro lugar, apesar de o meu quarto ter sido designado como o local de reunião, não tínhamos nos conhecemos desde a comemoração. Mesmo que eu comprasse um tapete, só eu me sentaria nele. O pensamento disso parece surreal.

Quando me levantei para tomar um pouco de chá, a campainha tocou.

A pessoa que colocou a cabeça pela entrada foi Kushida, a Madonna da classe D. Ela sempre está fofa todas as vezes que a vejo. Ela viu Sudou, que ainda estava sentado no chão.

“Oh, Sudou-kun está aqui.”

“Estou apenas perguntando, mas você também tem uma cópia da chave?”

“Uh, sim? É para que pudéssemos nos encontrar… por acaso, você não sabia, Ayanokouji-kun?”

Tirou uma chave da bolsa e me mostrou. Parece exatamente a mesma que a minha chave. Aparentemente, Kushida pensou que foi feito com a minha permissão.

“Um, isso… devo devolvê-lo?”

Ela se desculpou me dando a chave.

“Está bem. Não é certo se você for a única que devolve. Não parece que Sudou quer devolver a chave.”

Está realmente certo para Kushida ter a chave? Não, bem, em meus delírios, você poderia dizer que parece que eu tenho uma namorada se ela mantiver a chave. Os homens são criaturas calculistas.

“Já que Kushida também chegou, podemos mudar para o tópico real?”

“Não há nada que eu possa fazer… então, qual é o problema?”

Depois de chegarem ao meu quarto, não é como se eu pudesse recusá-los sem rodeios.

Com um olhar manso em seu rosto, ele lentamente começou a falar.

“Você sabe como eu fui chamado pela professora hoje? Então, uh… na verdade… eu posso ser suspenso da escola. E por um bom tempo também.”

“Sus… suspenso?”

Isso é inesperado. Em comparação com o início do ano, Sudou tem sido bem comportado. Ele não conversou ou dormiu durante a aula e está indo bem nas atividades do clube.

“Por alguma hipótese, você insultou ou difamou a Sensei?”

Quando Chiyabashira-sensei impediu Sudou de ir ao seu clube hoje, ele parecia infeliz.

Ele provavelmente ficou com raiva e disse algumas observações imprudentes mais uma vez.

“Eu não falei nada.”

“Então você a pegou pelo colarinho e ameaçou matá-la ou algo assim?”

“Eu já disse que não falei nada.”

Sem hesitação, Sudou negou ter falado alguma coisa. Então quer dizer que ele realmente não disse nada?

“Provavelmente é pior do que você está pensando…”

Achei que as minhas duas primeiras suposições eram bastante ruins, mas dizer que é ainda pior…

“Oh, foi assim que as coisas aconteceram, Ayanokouji-kun. ‘Eu bati e avancei sobre Sensei, e depois eu cuspi nela!’”

“Isso é cruel… ou devo dizer, suas ideias selvagens são muito cruéis…!”

“Ahaha, é uma piada. Claro, eu não iria tão longe. Sudou-kun também.”

Embora eu pensasse que Sudou negaria imediatamente, ele se sacudiu pela surpresa com a piada de Kushida.

Eu acho que isso mostra como ele está chocado.

“O que está errado?”

“Na verdade, eu bati em algumas crianças da classe C ontem. E anteriormente, Sensei disse que eu seria suspenso… provavelmente é uma punição por isso.”

Surpreso pelas palavras de Sudou, Kushida olhou para mim por reflexo. Eu não podia engolir a situação. Que Sudou estivesse envolvido em problemas novamente. Para onde foram as minhas preocupações?

“Bateu neles… isso, uh, por que você fez isso?”

“Para sua informação, eu não tive culpa, ok? Aqueles pirralhos da classe C estavam errados. Acabei respondendo quando tentaram me provocar. E então eles foram e contaram sobre mim. Eles também estavam sendo falsos.”

De alguma forma, parece que Sudou também não conseguiu reunir seus pensamentos. Eu entendi o que ele estava tentando dizer, mas eu ainda não sabia por que a luta começou e nem os detalhes da luta.

“Espere um segundo, Sudou-kun. Você pode dizer isso mais uma vez, só que mais devagar?”

Kushida o encorajou a se acalmar e tentou levá-lo a nos contar como a luta começou.

“Desculpe, eu deixei muitas cosias de lado…”

Tomando algumas respirações profundas, Sudou começou desde o início mais uma vez.

“O conselheiro do clube e eu estávamos falando sobre eu ser capaz de ser um regular nos torneios de verão.”

Ouvi dizer que ele era bom, mas não esperava que ele pudesse se tornar um regular tão cedo.

“Isso não é incrível, Sudou-kun!? Parabéns!”

“Nada foi decidido ainda. É só que existe a possibilidade.”

“Mesmo isso já é algo incrível. Afinal, acabamos de entrar no ensino médio.”

“Bem, sim. Na verdade, eu era o único primeiranista a ser nomeado para se tornar um regular. E mesmo assim, não é como se eu definitivamente me tornasse um regular. No caminho de casa, esses caras… Komiya e Kondo, que também estão no clube de basquete, me chamaram para um prédio especial. Eles disseram que tinham algo para falar ou algo assim. Eu poderia ignorá-los, mas eu discuti com eles várias vezes durante as atividades do clube, então pensei que eu iria resolver isso. Claro, fui encontrá-los, sabe? E então este cara, Ishizaki, estava lá, esperando por mim. Komiya e Kondo eram amigos deste cara, e disseram que não podiam aguentar que um aluno da classe D, como eu, fosse considerado como regular. Ele então me disse para sair ou enfrentar uma experiência dolorosa. Eu recusei e os espanquei, e então tudo isso aconteceu.”

Foi uma explicação apressada, mas obtive a essência geral das coisas. Parece que Sudou está satisfeito com sua explicação.

“E então você foi retratado como o errado, huh.”

Com um olhar exasperado, ele assentiu. Os alunos da classe C começaram a coisa toda, e quando Sudou recusou-se a desistir, eles recorreram ao uso da força… isto é, a violência. No entanto, Sudou, que teve experiência em combates, virou a mesa e os espancou. Naturalmente, ficaram feridos. Mas, não havia evidência, então eles mentiram para a escola que Sudou os espancou sem motivo.

“Sudou-kun, não tem problema se a situação foi iniciada pela classe C.”

“Certo? Eu realmente não entendi. Eu também não acredito nessa professora.”

“Devemos dizer a Chiyabashira-sensei amanhã sobre o que aconteceu. Já que Sudou-kun não tem culpa.”

As coisas não são tão simples. Sudou deve ter dito à escola o que ele acabou de nos dizer agora. Mas, como não há evidências para respaldar sua reivindicação, a escola decidiu puni-lo.

“Quando você contou a escola, o que eles disseram?”

“Eles disseram que me dariam tempo até a próxima terça-feira para provar isso. Se não puder, serei suspenso até o verão. Além disso, toda a classe também será penalizada.”

Parece que a escola decidiu aguardar. Mas, parece que Sudou está mais preocupado em não poder se tornar um regular do que ter nossos pontos reduzidos ou suspensos. Acho que ele não aguentou a ideia de que suas chances fossem arruinadas.

“O que devo fazer?”

“Sudou-kun, você tentou dizer aos professores com sinceridade, certo? É estranho eles não terem acreditado em sua história, mesmo você não tendo feito nada de errado. Certo?”

Kushida estava procurando uma resposta positiva de mim, mas, infelizmente, não consegui dar uma resposta afirmativa.

“Bem, eu me pergunto… eu não acho que isso é tão simples.”

Há três pessoas que dizem que foram espancadas. Sem uma prova concreta, Sudou definitivamente será punido. E isso significa apenas uma coisa.

Por exemplo, os três podem ser suspensos por uma semana.

“Mesmo que a outra parte seja a culpada, Sudou ainda pode ter uma certa culpa.”

“Hah? Por quê? Foi certamente em legítima defesa. Certo!?”

Sudou, incapaz de entender, golpeou a mesa com o punho. Kushida saltou de surpresa.

“Meu erro, fiquei um pouco irritado.”

Ao ver o rosto assustado de Kushida, Sudou se desculpou.

“Ei… por que Sudou-kun ainda levará a culpa?”

“Sudou os golpeou, mas eles não golpearam Sudou. Essa é uma grande razão, eu acho. É um problema mais difícil do que apenas dizer ‘legítima defesa’. Se eles tivessem vindo até você com uma faca ou um taco de beisebol, as coisas seriam diferentes. Normalmente, se tivessem escolhido uma briga, eles provavelmente se preparariam para isso. A ‘legítima defesa’ é quando você tem que se defender contra ataques repentinos e perigosos. Em outras palavras, não acho que isso seja exatamente ‘legítima defesa’.”

É o melhor que posso pensar, dado as circunstâncias.

“E-eu não entendo. Havia três pessoas, três. Eu acho que é suficientemente perigoso.”

Eu acho que o número de pessoas tem que ser levado em consideração, mas este caso é delicado. Se a escola pensar no número de pessoas e não no que eu pensei, então Sudou pode ser declarado inocente.

Mas é perigoso pensar otimistamente.

“Eu acho que a escola deu alguns dias porque eles também acham difícil chegar a uma decisão.”

A prova que temos agora… a única chave possível que temos é a lesão dos outros três.

“Então… eles estão pensando em punir Sudou-kun duramente, huh.”

“Quem trouxe isso primeiro tem a vantagem. O testemunho da vítima funciona como prova.”

“Ainda não entendi. Eu sou a vítima! Isso não é uma piada. Se eu for punido, não poderei ser um regular para este torneio!”

Aqueles caras da classe C perderam intencionalmente para Sudou para esmagar suas chances. Eles estão tentando impedir que ele se torne um regular, enquanto derrubam o resto da classe D junta. Esse tipo de plano parece provável.

“Vamos pedir aos alunos da classe C que falem honestamente. Se eles sentem que o que fizeram é errado, eles definitivamente terão sentimentos de culpa, certo”

“Esses caras não são idiotas. Eles não falarão honestamente. Maldito seja, nunca vou perdoá-los, esses bastardos…!”

Pegando a caneta que estava sobre a mesa, ele a quebrou no meio. Não é como se eu não entendesse de onde tudo isso vem, mas essa é a minha caneta…

“Se tentar explicar isso não funcionou, então teremos que encontrar algumas provas reais.”

“Sim… seria ótimo se houvesse evidências que comprovassem que Sudou-kun não tem a culpa…”

Se as coisas fossem simples, isso não seria tão difícil. Mesmo assim, Sudou não podia negar isso e começou a pensar sobre a situação.

“Pode haver algo. Pode ser apenas o meu mal-entendido, mas… quando eu estava lutando com esses caras, senti uma presença estranha na área, como se alguém estivesse observando.”

Embora ele não estivesse muito confiante sobre isso, Sudou jogou essa possibilidade.

“Então, você está dizendo que pode haver uma testemunha ocular?”

“Bem, foi o que eu pensei. Não há nenhuma prova definitiva.”

Uma testemunha ocular, huh. Se eles viram tudo, seria bom. Mas, em alguns casos, pode encurralar Sudou. Por exemplo, se eles apenas viram a situação depois que Sudou começou a lutar, pode ser o último golpe para Sudou.

“… o que eu devo fazer…”

Sudou manteve a cabeça entre as mãos. Kushida falou, quebrando o silêncio pesado.

“Existem duas maneiras de provar sua inocência. O primeiro é ir buscar os garotos da classe C para admitir suas mentiras. Como Sudou-kun não estava errado, provavelmente é melhor que eles reconheçam isso.”

Isso é definitivamente idealista.

“Como eu disse anteriormente, isso é impossível. Eles não vão admitir que mentiram.”

Como ele disse, provavelmente não vão admitir isso. Se eles confessassem a escola que tentaram colocar alguém em problemas, definitivamente seriam suspensos.

“E então o outro método é encontrar essa testemunha ocular. Se alguém viu que vocês lutaram, poderemos procurar mais evidências da verdade.”

Bem, isso é sobre o único plano realista que temos.

“Como você planeja procurar essa testemunha ocular?”

“Perguntamos as pessoas uma por uma? Perguntar em cada classe também serve.”

“Seria ótimo se alguém se apresentasse, mas…”

Eu pensei que nossa discussão tinha sido bastante longa, então eu fui ao armário. Peguei os pacotes instantâneos de café e chá que comprei na loja de conveniência logo após a escola começar. Bem, Sudou não é muito bom com o café, no entanto. Depois de preparar um copo de água quente, coloquei tudo na mesa.

“Este pode ser um pedido sem vergonha, mas… vocês podem manter isso em segredo?”

Tirando o copo da mesa e o soprando, Sudou nos pediu em tom de desculpa.

“Eh… em segredo…?”

“Se o boato sobre isso se espalhar, isso irá atrapalhar minhas coisas no clube de basquete. Não quero que isso aconteça. Vocês entendem, certo?”

“Sudou, mesmo assim—”

“Por favor, entenda, Ayanokouji. Se eu não puder jogar basquete, não tenho mais nada.”

Ele agarrou meus dois ombros e implorou. As coisas não explodirão mesmo que os rumores não se espalhem. Se a palavra se espalhar que ele usou a violência, o clube de basquete não poderá mais deixá-lo ficar.

“Os alunos da classe C não espalharão seus próprios rumores? Seria conveniente para eles.”

Era sobre isso que eu estava pensando. Não seria estranho que eles espalhassem os próprios rumores. Como se ele estivesse dizendo “Sério!?”, Sudou segurou a cabeça nas mãos mais uma vez.

“E se o rumor já tiver se espalhado…?”

“Não, por hoje, a notícia do incidente provavelmente não se espalhou.”

“Por que você acha isso?”

“Se os caras da classe C já tivessem espalhado o rumor, provavelmente já teria chegado até nós.”

A escola chamou Sudou depois das aulas.

Além disso, não houve nenhuma palavra sobre isso durante o dia.

Pelo menos, ainda não se espalhou amplamente.

“Então estamos seguros por enquanto?”

Mas quanto tempo isso vai durar? Mesmo se fosse ordenado o silêncio, isso se tornará um boato mais cedo ou mais tarde. Em pouco tempo, será conhecido pelo público. Agora, a única certeza é—

“Sudou-kun, você provavelmente deveria tentar ficar afastado desse caso.”

Kushida, também entendendo isso, aconselhou Sudou.

“Sim, será ruim se a parte relacionada tentar fazer alguma coisa.”

Eu respondi, concordando com as palavras de Kushida.

“Mas, empurrar tudo isso pra vocês, é—”

“Eu não sinto que isso está sendo empurrado pra nós. Nós só queremos ajudar Sudou-kun. Não sei o quanto podemos conseguir, mas faremos o nosso melhor. Está bem?”

“… bem. Eu sei que isso é um incômodo, mas vou deixar isso pra vocês.”

Parece que ele entendeu que as coisas ficariam mais complicadas se ele tentasse se envolver.

“Bem, então retornaremos aos nossos quartos. Desculpe por te meter nisso tão de repente.”

“Não se preocupe com isso, exceto pelo fato de ter feito cópias da minha chave.”

Dizendo “Não vou devolvê-la”, Sudou colocou a chave em seu bolso. Eu deveria trancar a porta com uma corrente a partir de agora…

“Kushida, até amanhã.”

“Até mais, Sudou-kun.”

Ela viu Sudou sair, parecendo meio triste. No entanto, são apenas alguns quartos de distância.

“Então, Kushida, você não vai voltar?”

“Eu só queria perguntar mais algumas coisas sobre o que aconteceu hoje. Você não parece estar muito entusiasmado para ajudar Sudou-kun.”

Kushida me olhou com olhos vacilantes. Tive o impulso repentino de segurar sua mão. Estiquei minhas costas e me desfiz de meus pensamentos errados.

“Não é assim, mas não há muito que eu possa fazer. Só posso responder à história de Sudou. Se fosse Horikita ou Hirata, eles poderiam ser capazes de dar um conselho melhor.”

“Isso provavelmente é verdade, mas Sudou-kun veio aqui por que confia em você. Mais do que em Horikita-san, Hirata-kun, ou mesmo Ike-kun, ele confiou a você a sua história.”

“Não sei se devo ficar feliz ou não.”

“Fu~n.”

Fiquei confuso. Os olhos de Kushida ficaram frios por uma fração de segundo.

Falando sobre isso, Kushida me disse uma vez que me odiava diretamente na minha cara. Ela sempre tem um sorriso gentil, então eu me esqueço de vez em quando, mas eu posso ser queimado mais uma vez se isso acontecer muitas vezes.

“Podia ser melhor se Ayanokouji-kun fizer um esforço maior para se misturar com a classe.”

“Bem, estou mais ou menos tentando. É só que não saiu muito disso. Desta vez, não tenho a coragem de dizer que vou ajudar Sudou.”

Acho que ela não pensa que eu me preocupo em não poder almoçar com ninguém.

Posso pensar dessa maneira, mas Kushida provavelmente sabe que tenho problemas.

“Kushida, você vai ajudar Sudou, certo?”

“Claro. Nós somos amigos. Ayanokouji-kun, você—o que você vai fazer?”

“Como eu disse anteriormente, falar com Horikita ou Hirata é melhor, certo? Bem, Sudou odeia Hirata, então Horikita é a escolha óbvia.”

Mas eu não acho que Horikita tenha uma boa ideia para resolver esse problema.

“Horikita-san irá sequer ajudar?”

“Eu não sei. Teremos que perguntar. Mas ela não ficará apenas assistindo enquanto a classe D entra em colapso… provavelmente.”

Estava me sentindo um pouco hesitante. Afinal, é Horikita.

“Eu sei que você está tentando evitar a pergunta, mas, Ayanokouji-kun, você também ajudará, certo?”

Ela conduziu a conversa pra isso novamente, embora eu estivesse tentando mudar o assunto.

“… está tudo bem se eu não ajudar? Provavelmente vou ser inútil, sabe?”

“Não vai ser desse jeito. Você será útil de alguma forma.”

Ela não disse como eu seria útil, no entanto.

“Começando por amanhã, o que devemos fazer? Sudou-kun disse que seria inútil, mas ainda acho que é uma boa ideia falar com as três pessoas que ele lutou. Na verdade, eu sou amiga de Komiya-kun e de seu grupo. Então, podemos persuadi-los. Hmm, isso é perigoso…?”

Parecia que Kushida não poderia jogar fora a opção de falar com eles.

“O risco é alto. Não considerando quem iniciou a luta, são os três que levaram isso para a escola. Eles têm a vantagem nesta situação. Além disso, não funcionaria. Como eram eles, não Sudou, isso resultou numa briga.”

Não há maneira fácil de provar à escola que eles mentiram. Mas se a escola souber que eles fabricaram uma mentira, a classe C receberá uma grande penalidade.

“Então, acho que procurar a testemunha é o caminho a se seguir.”

Mesmo isso é muito difícil. Sem detalhes, será impossível encontrar uma testemunha ocular. Perguntar “Você viu alguma coisa?” é um desperdício extraordinário de tempo e esforço.

Não vou chegar a uma conclusão agora, não importa o quanto eu pense sobre isso.

Se ocorrer alguma alteração na situação, o fluxo de eventos pode mudar um pouco.

 



Comentários